Estar com unha encravada pode ser uma experiência muito dolorosa, como sabem muitas das pessoas que já foram afligidas por esse problema. Pior: se o problema não for tratado adequadamente e cedo, ele pode resultar em uma infecção na área afetada e até exigir uma intervenção cirúrgica no local.

Entre os vários fatores que podem resultar em unhas encravadas, podem ser mencionados sapatos apertados, pois o uso deles pode forçar a unha para debaixo da pele, obrigando-a a crescer na direção errada. Cortar as unhas dos pés em formato oval em vez de reto é outro fator que pode aumentar a propensão a desenvolver unhas encravadas.

Publicidade
Publicidade

Mais à frente, está descrito um método em que a maioria dos casos de unhas encravas pode ser tratado com relativa facilidade em casa. Ressalte-se, porém, que, como dito, começar a tratar o problema cedo é importante e que, se houver qualquer dúvida ou se o problema piorar, um médico deve ser consultado.

O pé deve ser mergulhado em uma bacia com água morna ou quente (usar sulfato de magnésio na água para conseguir resultados ainda melhores). Além disso, mergulhar os pés na água duas a quatro vezes por semana é um jeito de ajudar a prevenir problemas nos pés. Quando a pele estiver bem macia, a pessoa deve pegar um pedaço de algodão, formar um rolo bem fino com ele e colocá-lo entre a unha e o dedo. Se, nessa ocasião, a pessoa sentir dor (o que é relativamente pouco provável porque devido ao efeito do banho de imersão sobre a pele ela não deverá mais estar sendo pressionada pela unha), é melhor que ela busque ajuda médica.

Publicidade

O algodão deve ficar no local e ser trocado no próximo banho de imersão do pé.

Enquanto o problema está sendo tratado, alguns remédios caseiros podem ajudar a combater a dor:

1 - Vinagre de maçã

Molha-se um pedaço de algodão com vinagre de maçã e esfrega-se o algodão no local afetado. Esse procedimento deve ser feito várias vezes ao dia.

2 - Óleo de eucalipto

Óleo de eucalipto é outro produto cuja aplicação pode ajudar no combate à dor e a prevenir infecções no local ferido.

Enquanto a pessoa estiver com uma #unha encravada, é importante tomar muito cuidado para não afligir mais ainda a região afetada. Recomenda-se o uso de sapatos abertos ou andar descalço e evitar que a unha encravada se choque com alguma coisa. Mesmo depois do desaparecimento do problema, é recomendável usar calçados confortáveis e cortar de forma reta as unhas dos dedos dos pés como precauções que favorecem a saúde dos pés e ajudam a evitar o surgimento de unhas encravadas.

#Vídeo