Terminar um relacionamento não é nada bom, pior anda quando uma das partes ainda gosta da outra e acaba sofrendo. Seja um relacionamento recente ou até mesmo um casamento de muitos anos, o sofrimento é comum entre os dois.

Muitas pessoas mesmo depois do término, não conseguem assimilar que tudo acabou, e deixar tudo para trás, e muito menos seguir em frente. É difícil para as pessoas que ainda gostam aceitar que aquela companhia de todos os dias não estará mais lá ao seu lado.

Uma jovem foi #Presa nos Estados Unidos e o motivo da prisão da linda garota está exatamente relacionado a esses fatos.

Essa #Mulher que não aceitou o fim do seu namorado e acabou sendo presa por perseguição, a situação precisou ficar grave para chegar ao fim.

Publicidade
Publicidade

A belíssima jovem foi identificada apenas como Murphey, ela possui 28 anos, e toda a história aconteceu na cidade do Novo México, quando o seu ex-namorado William Ryans terminou a relação de apenas 3 semanas, e ela tentou fazer de tudo para reatar, porém graças a sua insistência ela acabou indo parar atrás das grades.

De acordo com as informações judiciais, que as autoridades que fizeram a prisão da garota mostraram, ela foi presa por ligar para o celular do rapaz várias vezes, mandar vários e-mails, enviar músicas românticas e ainda mensagens de textos.

O que mais impressiona é que o relacionamento dos dois foram breve, eles ficaram apenas 20 dias juntos, porém ele não quis continuar o relacionamento e resolveu terminar com Murphey, só que ela ficou desesperada e começou a perseguir o rapaz 24 horas por dia.

Publicidade

É normal quando um relacionamento acaba, ligar, mandar mensagens pedindo para voltar, mandar textos e letras de músicas e isso não é proibido, mas o que levou o rapaz a fazer uma denúncia contra a ex-namorada foi o número de vezes que ela praticou essas coisas.

De acordo com o relatório judicial Murphey em apenas uma só semana, ligou para William Ryans 77.639 vezes, mandou 1937 e-mails, enviou 647 músicas românticas e 41 mensagens de texto, tudo isso pedindo para que ele não a abandonasse.

Ainda de acordo com a polícia, a moça fazia o uso de bebidas energéticas junto a anfetaminas, tudo isso para conseguir ficar acordada e perseguir o namorado 24 horas por dia.

Murphey foi presa e encaminhada para o departamento de polícia da cidade de Albuquerque, por enquanto ela ainda aguarda o julgamento. Os policiais que trabalharam no caso disseram que esse é o crime de perseguição mais grave que eles já viram. #namoro