“Gata, você gosta de água?”. Foi assim que um rapaz, identificado como Rogério, iniciou a #cantada para cima de uma mulher. O que ele não imaginava é que tudo terminaria muito mal.

A princípio, a mulher, que não deve ter percebido a intenção nessa primeira pergunta, respondeu que gostava de água. “Claro”, disse ela. Mas, a partir daí, as intenções do homem começaram a aparecer. “Então você gosta de 70% do meu corpo”, retrucou o rapaz, utilizando uma cantada muito antiga.

“Não cara”, respondeu a moça, demonstrando já ter entendi a situação e não estar para brincadeira. O “não cara” foi bastante seco. A partir daí, quem não entendeu foi ele.

Publicidade
Publicidade

“Você disse que gosta de água”, comentou o rapaz, com a esperança de que a cantada fosse dar certo. Mas ele estava bem enganado em relação a isso.

“Gosto de água potável, não de esgoto”, finalizou, literalmente, a mulher. O print, que deve ter sido feito por ela para mostrar para amigas, ganhou a internet e viralizou nas redes sociais e em sites de humor. A reprodução da conversa termina aí, não se sabe se houve outro comentário de Rogério. Mas se calar diante de tal patada seria a melhor coisa a fazer.

Cantada

O famoso #Xaveco da água é muito antigo. É muito fácil achar quem já utilizou dessa cantada, mas é praticamente impossível encontrar quem já obteve êxito com ela. Normalmente, aliás, ela é utilizada para zoar. Ninguém em sã consciência imagina que uma mulher vai dar bola a um homem que tenta algo com ela utilizando-se de algo tão bizarro.

Publicidade

A lista de cantadas que não deram certo é grande. Recentemente foi publicou outro artigo de um homem que pediu foto íntima de uma mulher. Ela, para empolga-lo, perguntou se ele queria foto de sua "Sherequinha". O homem respondeu que sim e recebeu a imagem da filha do Shrek, famoso ogro de animação dos cinemas.

Essa foi mais uma cantada que o autor pensou que poderia dar certo e não deu. Além disso, os homens que insistem em cantadas precisam tomar cuidado para não agredir as mulheres. O rapaz que pediu "nudes" para a menina que conversava agiu dessa forma.

Ela poderia acusá-lo de assédio e ele, além de ter levado um fora, ainda poderia ter que responder pelo ato que fez como um criminoso, já que o assédio é tipificado como crime pela legislação brasileira. Para as mulheres, é importante deixar cortar qualquer brincadeira desde o início se isso a incomodar.

Sem dúvida, os rapazes que receberam um não firme e forte não voltarão a tentar cantadas bizarras para conquistar uma mulher.