A #Grécia é um pequeno país localizado no Sudeste da #Europa, sendo que 98% de sua população pertence à Igreja Ortodoxa Grega, mas há também uma minoria de muçulmanos, entre outras denominações religiosas. Todavia não é isso que impede os gregos de serem um povo supersticioso; tanto é assim, que não pode se esquecer que foi a Grécia a grande influenciadora de todo o mundo ocidental com a sua história e mitologia.

Ainda hoje os gregos acreditam piamente na questão do mau-olhado ou simplesmente “Mati”, que em tradução livre significa “olho” no idioma grego. A equivalência no Brasil pode ser entendida como o “olho grande” ou “olho gordo”.

Publicidade
Publicidade

O povo grego acredita que qualquer indivíduo pode lançar um mau-olhado para outra pessoa pelo simples sentimento da inveja, seja ela boa ou má, e também pelo ciúme, algo muito comum na natureza humana.

Naquela nação, quando alguém diz que você, por exemplo, está "matiasmenos", isso significa que foi lançado um “olho mau” sobre você, provocando geralmente os sintomas de tonturas, dores de cabeça e bocejos ininterruptos nas vítimas do mau olhado.

Por outro lado, a boa notícia é que o indivíduo que está padecendo de todas essas “maldições” pode quebrar o “feitiço” com a ajuda de alguém que sabe como fazer um ritual especial, feito com óleo, água e orações, ou seja, é o equivalente no Brasil às ações das antigas rezadeiras ou benzedeiras.

Só que agora ninguém precisa mais acordar a tia, a avó ou uma mulher mais velha no meio da noite, quando estiver com uma terrível dor de cabeça, achando que foi amaldiçoado por alguém.

Publicidade

A tecnologia que surge na forma de entretenimento funciona como uma aliada para resolver esse tipo de situação, graças ao inovador aplicativo chamado na língua original de “Ksematiasma” e que foi desenvolvido pela empresa ATCOM Internet e Multimídia SA, ideal para ser baixado nos telefones tipo Android.

O funcionamento é bastante simples, pois o app conecta o usuário com uma “avó digital”, ou Yiayia (palavra grega para avó), e ela pergunta ao internauta como ele acha que foi amaldiçoado.

A vovó virtual investiga se a pessoa quer “o olho” para cuidar da doçura no comportamento, da beleza ou até mesmo da sorte e, a partir daí, ela ensina o passo a passo do que deve ser feito para se quebrar a maldição.

A título de curiosidade, o denominado “#Olho grego” nada mais é do que um talismã, visando proteger a pessoa contra o mau-olhado e a inveja, que pode ser associado com a sorte e age contra as ditas energias negativas.

Em todo o mundo o olho grego passou a ser utilizado como adereço ou enfeite em pequenos pingentes nas pulseiras e correntes de adorno. Há ainda os que tatuam o símbolo em diferentes partes do corpo.

Publicidade

A base de confecção do olho grego é vidro com coloração azul, uma vez que a tradição diz que o mau-olhado possui tal cor, tendo o amuleto assim, mais poder de atrair o que é ruim e neutraliza-lo.

Fato é que, independente dos valores, crenças e religiosidade da humanidade, todos querem receber ou ter algum tipo de proteção contra todos os males que assolam o mundo, sejam as pessoas gregas, brasileiras ou de outra nacionalidade.

Curiosidades sobre o 'Olho Grego'