Publicidade
Publicidade

Se você espera que estampar sua cara na TV vai lhe render muito dinheiro, leia todo o artigo. Já se foi a época que a TV pagava salários estrondosos para subcelebridades ou coadjuvantes. No atual cenário da TV, onde o objetivo é renovar para pagar menos e rentabilizar o quanto mais, não há dúvidas que o passado das ‘’vacas gordas’’ não voltará mais.

Para se ter uma ideia, até alguns anos trás, um campeão do Big Brother Brasil assinava contrato ganhando mais de R$10 mil por mês, que nem é tanto assim para a televisão. Atualmente, Emilly Araújo, a atual campeã do BBB, assinou um contrato de seis meses e recebendo pouco mais de R$ 3 mil por mês.

Publicidade

E trata-se de um contrato com a maior emissora do país.

As exceções são aqueles que as emissoras tratam como figurões essenciais, como Galvão Bueno, Luciano Huck, Grazi Massafera, Cauã Reymond e outros, que possuem contratos mais extensos e são mais bem remunerados. Outros atores, ou a grande maioria, têm contratos apenas para eventuais trabalhos. Depois disso, ficam à disposição do mercado.

Para ficar mais claro, recentemente, a Globo anunciou que vai demitir 14 atores de seu núcleo de humor, especificamente do ''Zorra Total''. Nomes importantes como Antônio Pedro, Isio Ghelman, Nizo Neto, Bernardo Schlegel, Renata Ricci, Renata Tobelem, Cris Pompeo, Claudio Cinti, Alexandre Regis e Roberto Guilherme.

E as #bailarinas do Faustão, quanto você acha que cada uma delas ganha? Qual é a estratégia para contratá-las e mantê-las? E as exigências? Conheça o mundo curioso dessas moças que estão sempre estampando seus belos rostos nos domingos da Globo.

Publicidade

Rotina e exigência às bailarinas do Faustão

Primeiro, é importante saber que nenhuma bailarina é contratada ou demitida sem a anuência de Fausto Silva. Ele exige, entre algumas características das moças, que elas não se envolvam em escândalos.

Para se ter um exemplo, Tati Moreto, ex-esposa do cantor Gian, se envolveu no escândalo de namorar o cantor que era casado. Rapidamente ela foi excluída do elenco de bailarinas.

Outro exemplo clássico foi quando Aline Riscado foi conversar com Faustão para dizer que sairia em dois meses do elenco, pois iria alçar voos maiores. Faustão disse que se ela não está satisfeita, iria sair naquele domingo mesmo. E ela foi praticamente demitida no ar.

Além disso, a moça deve ser uma exímia dançarina, ter dedicação ao que faz, boa aparência, disciplinada e novamente, não se envolva em polêmica. Certa feita, Faustão chegou a dizer que as bailarinas de seu programa não é Panicat e precisa de discrição.

Outro ponto importante, elas precisam ensaiar três vezes na semana e não podem engordar.

Publicidade

Se passam de um determinado limite de peso, elas são retiradas e é dada uma chance para emagrecer.

Outra curiosidade é que na frente do balé, nas fileiras frontais, ficam as mais experientes e Faustão também reconhece os talentos. Quem se lembra de Carol Nakamura que hoje integra o elenco de atores da dramaturgia? Ela foi uma das principais bailarinas do Faustão.

Salário das bailarinas do Faustão

Como dito anteriormente, não aposte num #Salário alto. Em 2015, foi divulgado pelo site Observatório da TV que as moças ganhavam o equivalente a 3,5 salários mínimos, ou seja, em torno de R$ 2,6 mil. Dois anos depois, hoje o valor é um pouco maior, mas continua representando os 3,5 salários mínimos. Aliás, a mesma quantia que ganha Emilly em seu contrato, ou seja, em valores atualizados, cerca de R$ 3.2 mil.

Para fazer jus ao valor, como dito, elas precisam ensaiar três vezes por semana e se dedicar no domingo ao programa. Aquelas que participam da ‘’Dança dos Famosos’’ ganham também um cachê extra, mas esse ainda estamos levantando de quanto seria. #quanto ganha