Na última semana, um vídeo tem dominado os compartilhamentos nas redes sociais. Nas imagens, um homem é visto saltando de #paraquedas da varanda de seu apartamento, a 85 metros de altura. O homem é visto com todos os equipamentos, que foram adquiridos em um site de leilões na internet, do lado de fora da varanda. Outras quatro pessoas acompanharam o salto apreensivas, e o pouso ocorreu num terreno ao lado do prédio.

O homem do vídeo é Aloísio Paes de Barros Filho, que mora em Ribeirão Preto, e pratica 'base jump' nas horas vagas. Essa modalidade consiste em saltar de lugares fixos e desafiadores como prédios, pontes, penhascos e antenas, usando apenas um paraquedas para curtas distâncias.

Publicidade
Publicidade

Sobre o salto

O homem afirma que o salto que está viralizando nas redes sociais aconteceu no mês de janeiro, na varanda de seu apartamento. Ele saltou do mesmo local outras 15 vezes, mas em datas diferentes. Aloísio ainda afirma que o vídeo foi compartilhado em um grupo de WhatsApp, e um dos integrantes foi quem teria vazado.

"No prédio havia dois homens prestando serviços e que me ajudaram. Eles não estavam acostumados com aquela situação, mas eu estava tranquilo. Eu pedi para uma amiga, que estava no condomínio, olhar meu filho enquanto eu saltava, mas logo eu voltaria. O meu filho já se acostumou com isso, vai comigo em diversos saltos, e se relaciona bem com os filhos de meus amigos", conta.

Quando Aloísio está quase chegando ao chão, é possível escutar o menino chamar "papai". E logo depois, um dos homens que o ajudou fala: "Agora é eu, hein?!", em tom de brincadeira.

Publicidade

No final do vídeo, o menino acaba chorando, mas Aloísio afirma que isso aconteceu por ele se assustar com o nervosismo da mulher que lhe segurava. Segundo Aloísio, o salto durou uns 10 segundos no total.

Repercussão nas redes sociais

O vídeo causou surpresa em todos que o assistiam, mas também gerou polêmicas em relação à segurança. Alguns compartilhamentos informavam que o paraquedista havia comprado o equipamento em um site e estava testando o produto.

"Antes de escrever, comentar qualquer coisa, as pessoas deveriam se informar, procurar saber como é, como funciona, para não julgar de maneira errada. As pessoas nem me conhecem e falam coisas. Acho que não existe nenhum homem de verdade, que compraria um paraquedas em algum site e depois saltaria de um prédio", diz.

Após toda a repercussão, Aloísio tenta tranquilizar a todos, e alerta que só é possível saltar de locais fixos, como o prédio que saltou por exemplo, após anos de experiência e treinamento. #Curiosidades #Viral