Todo mundo já deve ter ouvido falar sobre as coisas estranhas (do ponto de vista da maioria dos ocidentais pelo menos) que são comidas em alguns países do Extremo Oriente. Podem ser citados como exemplo os cachorros em partes de países como China e Coreia. Os japoneses consomem carne de baleia, para horror dos ecologistas de toda parte, e o fugu (prato à base de baiacu que deve ser preparado minuciosamente, pois, preparado de forma errada, pode matar o consumidor).

Bom, outra esquisitice oriental no terreno da culinária é o consumo do produto que aparece na foto, uma espécie de verme marinho cujo nome científico é Urechis unicintus.

Publicidade
Publicidade

Pode ser encontrado em mercados de peixe locais e é uma iguaria muito apreciada, sobretudo na Coreia do Sul embora seja consumido em outros países asiáticos, tais como o Japão e a República Popular da China. Esse ser de aparência tão estranha (e para a maior parte dos ocidentais) tão pouco apetitosa habita águas relativamente rasas e pode ser capturado durante os períodos de maré baixa.

Pode ser servido cru (antes, porém, suas cerdas devem ser extraídas e o animal deve ser devidamente lavado) e cortado aos pedaços, que ainda se debatem enquanto o freguês delicia-se com ele. Fãs de ficção científica talvez acabem por causa dessa descrição se lembrando do gagh, uma iguaria apreciada pela espécie alienígena Klingon - uma das espécies principais das séries de Jornada nas Estrelas - que é um verme que deve, de preferência, ser servido ainda vivo (para terror da maioria dos humanos convidados para comê-lo).

Publicidade

Na Coreia, o Urechis unicintus é servido cru em uma espécie de sashimi, temperado apenas com sal e óleo de gergelim (ou vinagre). Embora pareça uma salsicha enquanto está exposto nas prateleiras, depois que passa pelas mãos da pessoa encarregada de prepará-lo, o animal mais parece o verme - anelídeo - que efetivamente é. Apesar disso, um turista não identificado que provou o prato disse que o sabor é surpreendentemente bom, não o que se espera de um verme., cujos pedaços ainda se retorcem no prato enquanto o alimento é consumido É um desses casos que fazem lembrar que não se deve julgar o livro pela capa ou o sabor (ou a popularidade local) de um alimento por sua aparência.

Na República Popular da China, o Urechis unicintus é consumido também frito e acompanhado de legumes ou então o produto de sua trituração é usado para evidenciar o sabor dos alimentos. Na medicina chinesa tradicional, ele é usado como remédio. #Comida