Que o #Brasil tem a fama de um país bem receptivo, ninguém duvida. Mas essa fama saiu da especulação e gerou manchete quando a CNN, canal norte-americano, fez uma enquete para saber quais países eram os mais legais do mundo. O Brasil, claro, liderou e derrubou gigantes do mundo inteiro.

Esse título poderia ser dado há 517 anos quando Pedro Álvares Cabral, que achava que tinha chegado ao território onde hoje é a Índia, aportou em um lugar completamente desconhecido para época: o território onde hoje se localiza o Brasil – o nosso país para os brasileiros; e o Brasil mesmo, para os estrangeiros.

Cabral aportou exatamente na região da Bahia, na cidade de Porto Seguro.

Publicidade
Publicidade

Naquela época, os índios fizeram uma recepção de forma muito amigável. Não foi um povo que logo de início se mostrou de difícil amizade. Pelo contrário. Eles foram tão legais a ponto de o estrangeiro português tomar sua terra e, ainda de quebra, tentar escravizá-los.

A CNN faz uma enquete e aponta o Brasil como o país mais legal do mundo

De acordo com a CNN, o Brasil tem os cidadãos mais legais do mundo. A notícia veio através da publicação de uma lista nesta quarta-feira (12), que apontava o Brasil em primeiro lugar. A enquete, que foi feita até em tom de brincadeira, afirmava que o Brasil se destacava pelo futebol e pela música, além de outros elementos bastante curiosos.

Na notícia da CNN, o canal disse que, se não existisse o povo brasileiro, não seria possível haver nem o carnaval nem o samba do Rio de Janeiro.

Publicidade

E de igual modo, também não haveria as riquezas do futebol de Ronaldo e de Pelé. A manchete ainda destaca o músico Seu Jorge como o representante artístico mais legal do Brasil. E elogia a depilação brasileira, conhecida em Nova York como "Brazilian wax".

Ainda no texto emitido pela emissora, a parte negativa do Brasil estava relacionada ao cacau e à carne, não pelo o escândalo da Carne Fraca e nem pelo sabor do cacau, mas por conta da destruição agrícola que vinha acontecendo corriqueiramente nas terras do Brasil.

O segundo lugar fica com Cingapura e o terceiro para Jamaica

Logo após o Brasil, aparece Cingapura. Conforme o Canal, e ainda em tom de brincadeira, o país asiático está digitalmente alfabetizada. Por isso que a compulsividade por tecnologia do país pode levar a um comportamento antissocial. E para finalizar os três primeiros da lista, encontra-se a Jamaica. A matéria evidencia que no país não é só composto por reggae. E enaltece Usain Bolt como o ícone mais legal do país. #Brasil país mais legal #Brasil melhor do mundo