Segundo as estatísticas, 4% da população é formada por psicopatas. Isso indica que uma única pessoa pode esbarrar com pelos menos 15 deles ao longo da vida.

Pensar assim é meio que assustador, afinal, a palavra psicopata se refere a um indivíduo clinicamente perverso. É claro que é o tipo de pessoa que ninguém quer ter por perto, mesmo sem entender as causas do transtorno.

Os psicopatas sofrem distúrbios psíquicos e isso afeta a forma de lidar com o mundo e a sociedade. Existem vários tipos de psicopatas, desde os menos danosos aos mais perversos. Tudo depende do nível de #Psicopatia que se desenvolve na mente da pessoa.

Publicidade
Publicidade

Mas, sendo o nível baixo ou alto, o fato é que uma pessoa assim pode trazer muitos danos a outras.

Uma foto curioso é que a doença costuma se manifestar nos homens antes dos 15 anos, mas, nas mulheres, isso já passa despercebido por um longo período. Talvez seja o fato de que elas são mais discretas e menos impulsivas que os homens.

Embora eles não venham com uma plaquinha pendurada no pescoço avisando que tipo de pessoas são, existem alguns sinais e traços que normalmente esse grupo acaba desenvolvendo por igual. Torna-se, então, um pouco mais fácil identificá-los.

Conheça quais são esses cinco traços comuns em pessoas com psicopatia e se mantenha distante:

1) Não costumam ter empatia: a empatia é o ato de sentir o que sentiria uma outra pessoa. Em outras palavras, colocar-se no lugar daquela pessoa diante de uma situação.

Publicidade

Essas pessoas que sofrem de psicopatia não possuem isso. Ou seja, elas não se abalam com a dor do próximo e não se importam com o sofrimento alheio. São frias diante de situações calamitosas e emotivas.

2) São impulsivos: eles não gostam nenhum pouco de serem contrariados e, por isso, em algumas situações, são muito impulsivos, teimosos, agressivos e apresentam um #Comportamento explosivo. Eles não se importam no que a outra pessoa irá sentir com tais atitudes impulsivas e provocativas.

3) Eles têm o olfato ruim: estranho dizer isso, mas é cientificamente comprovado. De acordo com um estudo feito na Universidade de Macquerie, que fica na Austrália, as pessoas que sofrem de psicopatia têm dificuldade em descrever alguns tipos de cheiros.

4) Não tem responsabilidades: nesse ponto, eles tendem a colocar a culpa nas outras pessoas pela falta de responsabilidade em algumas questões da vida. E, não sentem medo algum por 'infringir regras'. Por mais que eles estejam errado, eles não irão admitir e tentarão colocar a culpa em algo ou alguém.

Publicidade

É aquela pessoa que nunca assume as responsabilidades, sempre inventando desculpas .

5) Alimentação de um psicopata: um estudo pesquisou qual é o tipo de alimentação de uma pessoa com tendências anti sociais e sádicas. Especialistas da Universidade de Innsbruck, que fica na Áustria, descobriram que ambos tinham um cardápio específico: alimentos amargos. Por exemplo, eles apreciam chocolates com um alto índice de cacau, café, água tônica e frutas cítricas

Segundo o estudo, o sabor amargo não é algo comum. Isso porque ativa uma zona cerebral de alerta, semelhante ao veneno. Como os psicopatas não têm medo, esse gosto amargo ( semelhante ao veneno) é o que mais os atrai. Mas, é bom saber que nem todas as pessoas que apreciam esse paladar diferenciado é um psicopata. Existem pessoas que também apreciam comidas amargas e que não tem nenhum traço de psicopatia. Obviamente que existem um conjunto integrado para que um indivíduo seja qualificado como psicopata, e isso apenas um médico especializado é que pode diagnosticar. #Personalidade