Justine Kish, uma lutadora russa de 29 anos, vem ganhando fama e notoriedade nas redes sociais, após passar por uma situação bem constrangedora em sua última luta quando, esforçou-se demais para tentar se defender de um mata-leão da colega Felice Herrig, e acabou defecando dentro do octógono. Se não bastasse todo o constrangimento pelo qual passou, agora a vergonha de ver seu vestuário sendo arrematado por um fã desconhecido, que ofereceu nada menos que US$ 15 mil, cerca de R$ 50 mil para ter a peça suja em sua coleção bizarra.

Em entrevista ao programa "Submission Rádio" a russa revelou ter recebido uma mensagem inusitada de um suposto fã, oferecendo 15 mil dólares pelo seu short sujo de fezes. Segundo ela foi a oferta mais lucrativa que teve depois da sujeira que fez.

Publicidade
Publicidade

"Eu gostaria de comprar seu short independente de qualquer coisa e tudo mais para minha coleção", dizia a mensagem. A jovem lutadora confessa que ficou estarrecida ao imaginar que podem existir pessoas assim, "aquilo era nojento", ela lamenta confirmando que por aí existem muitas pessoas nojentas.

A loira explica que o tal fã é um colecionador de itens raros do #UFC e tem um tipo de santuário homenageando lutadores e afirma que ele passou nome e e-mail para as negociações. Porém, a moça garante que não pretende negociar um objeto tão inusitado.

Entenda a história

No domingo, 28 de junho, Justine Kish e Felice Herrig se enfrentaram no UFC Oklahoma numa luta bem equilibrada até o momento em que Justine se viu num apertado abraço mata-leão e tentou desesperadamente livrar-se, mas acabou defecando ali mesmo, pelo esforço, dentro do octógono.

Publicidade

Justine perdeu a luta, mas não perdeu a pose e logo após escreveu em seu Twitter que m****acontecem e não ia desistir porque era uma guerreira.

Sua derrota e sua vergonha foram reconhecidas pelo presidente do UFC, Dana Withe, que no dia seguinte ligou para ela querendo saber se estava tudo bem, parabenizando sua luta e reconhecendo que se saiu muito bem da situação humilhante. Pela bravura, a russa conta que o presidente lhe ofereceu uma pequena recompensa financeira que não sabe de quanto será, porém em algumas semanas descobrirá. Vale lembrar que não foi só a russa que passou por esse aperto outros lutadores de #MMA também já lamentaram esse incidente sujo.

Justine Kish estava invencível até essa última luta. Ela contava com seis vitórias e deverá estar de volta ao Card UFC ainda este ano. #Lula