O #Photoshop é uma ferramenta muito popular para editar e tratar fotos. É possível fazer montagens e alterações realmente impressionantes com esse famoso [VIDEO] editor. Tanto é que uma mulher conseguiu enganar todas as pessoas a sua volta durante 4 anos, criando situações que não existiam.

Com o avanço da internet, ficou ainda mais fácil enganar as pessoas, pois é possível criar um perfil em redes sociais fingindo ser qualquer pessoa. Muitos famosos sofrem com pessoas que fingem ser a personalidade, e por isso criou-se o habito de colocar um “oficial” ao lado, para identificar quem é real.

No caso de Jill Sharp, a história foi além.

Publicidade
Publicidade

A moça alimentou durante longos 4 anos um #Relacionamento fictício com um homem que na verdade nem a conhece.

Usando a internet e o seu conhecimento em Photoshop, a moça alterou diversas imagens para se colocar ao lado do seu “amado”, convencendo todo mundo a relação mentirosa.

Veja como a mulher criou a farsa

Jill deu ao seu parceiro fictício o nome de Graham Mcquet, e criou um perfil para ele. Ela começou então a perseguir pela internet um homem, de quem roubava fotos e alterava, colocando-se do lado rapaz.

Alguns colegas começaram a desconfiar da situação, porque Jill nunca levava o noivo nas reuniões de amigos e familiares. Então, diante da desconfiança, alguns amigos começaram a pesquisar, e encontraram o perfil verdadeiro do homem que aparecia nas fotos com ela.

Publicidade

Para espanto de todos os amigos, as fotos que ela publicava com alterações em sua página foram encontradas no perfil do rapaz, que na verdade tem uma namorada de nome Marianne.

Como era de se esperar, depois de todas as mentiras, o homem nunca na vida havia visto Jill, enquanto ela afirmava a todos que ele era o seu noivo.

O espanto do rapaz stalkeado e da verdadeira namorada dele foi imediato, e o caso foi parar nas mãos da Justiça. Indignado com a situação, o homem deu parte na polícia alegando que Jill Sharp o estava perseguindo através da internet.

Com uma rápida análise das fotos, os peritos confirmaram que tudo se tratou de uma farsa, e a situação continua nas mãos das autoridades locais. Para os familiares e amigos que conviveram com Jill Sharp durante tanto tempo, e acreditaram na relação fictícia, foi um choque descobrir que a mulher mentiu de forma tão arquitetada.

Isso apenas confirma aquele velho pensamento de que nem tudo o que vemos na tela do computador ou dos smartphones é real, e nos faz pensar que muitas vidas que parecem perfeitas na internet pode ser que nem existam no mundo real, assim como o relacionamento “feliz” de Jill Sharp e Graham Mcquet.