Nos últimos dias, os internautas #brasileiros têm feito críticas a uma polêmica #Pesquisa britânica, que teria dito que somos o 3º povo mais burro do mundo, mas será que isso é verdade? Em tempos que #clickbait e fake news é sempre preciso desconfiar de notícias que trazem títulos chamativos e informações polêmicas, pois, geralmente, são apenas "iscas" para fazer você viralizar mentiras na rede. E isso funciona!

Um site conhecido por desmascarar esses "criadores de fake news", o E-Farsas, analisou a história a fundo e comprovou que ela é uma meia verdade. Esse estudo dirigido pela Perils of Perception, que teria como base, uma pesquisa cientifica, em 33 países que trouxe à tona o polêmico ranking:

  • 1º México
  • 2º Índia
  • 3º Brasil

Apesar de essa notícia ser, em parte, verdadeira e ter sido viralizada em julho deste ano, é uma adaptação de um texto publicado em 2015.

Publicidade
Publicidade

A adaptação no título na pesquisa foi feito de caso pensado. O ar sensacionalista e polêmico ajudou que o texto, já enterrado em 2015, ganhasse força em todas as redes sociais.

De fato, foi feito um estudo pela Perils of Perception, que tem como base uma pesquisa realizada pelo Ipsis MORI, conhecido instituto britânico. O questionário foi aplicado, de fato, em 33 países em outubro de 2015, e o Brasil contribuiu com 1.000 participantes.

Até aqui, as informações do boato foram honestas, mas o que foi alterado? O site E-Farsas revelou que os voluntários da pesquisam responderam um questionário sobre conhecimentos gerais sobre os seus países de origem. As perguntas, entre outras, eram sobre quantidade de pessoas vivendo em áreas rurais, porcentagem de habitantes com conexão com a internet e outros assuntos.

Publicidade

Bom, como você já deve imaginar, os brasileiros não sabiam responder a maior parte das perguntas, mas isso não nos torna o 3º povo mais idiota do mundo. Talvez, os mais desinformados sobre seu país, mas não idiotas.

O que a notícia falsa não conta é que houve um novo estudo, em 2016, e que agora estamos em 6º lugar. O número de brasileiros que desconhece dados sobre seu país caiu. Reforçando, a pesquisa mostra o quanto os voluntários conhecem sobre seu país, e não o seu grau de QI.

Então, não se sinta triste! Ninguém disse que nós, brasileiros, somos burros! Até porque pesquisar isso seria muito subjetivo para um estudo sério. Dúvida? Basta pesquisar a vida de muitos gênios das artes e das ciência e vai ver que foram considerados "burros" em suas épocas, mas provaram que isso era uma mentira.

Deixe seu comentário.