Mesmo sendo crime no #Brasil, o preconceito racial é algo que deve ser ainda combatido nos dias de hoje, pois o mesmo acontece aos montes, afetando a vida de milhares de negros brasileiros. O racismo é uma barreira que as pessoas negras precisam enfrentar na sociedade quase todos os dias, até mesmo com os artistas brasileiros não é diferente. Relembre a seguir 5 famosos da TV que sofreram racismo:

  • Taís Araújo

Em outubro de 2015, a atriz da Rede Globo Taís Araújo, ao postar uma foto em sua rede social, foi alvo de comentários racistas. A atriz usou a mesma rede social para dizer que iria denunciar os responsáveis à Polícia Federal e lamentou que atitudes racistas ainda persistam em nossa sociedade.

Publicidade
Publicidade

Em apoio, os fãs da atriz levantaram a hashtag no Twitter #SomosTodosTaisAraujo.

  • Maria Julia Coutinho (Maju)

A jornalista Maria Julia Coutinho também foi alvo de comentários racistas na Internet. Vários internautas escreveram comentários racistas em uma foto publicada na página do Jornal Nacional, na qual a jornalista aparecia. Em defesa, os jornalistas William Bonner e Renata Vasconcellos (colegas de trabalho de Maju), gravaram um vídeo mostrando um cartaz dizendo #SomosTodosMaju. Assista!

No Twiiter, Maju escreveu: "Beijinho no ombro".

  • Preta Gil

Outro vítima de racismo na internet foi a cantora e apresentadora Preta Gil. Os internautas escreveram em sua página do Facebook: "Volta para Jaula, sua macaca". Preta GIl usou seu Instagram para se defender e declarou: "Até quando veremos esse crime ser cometido impunemente?"

Já no Facebook, ela deu a seguinte declaração: "Me chamo Preta Maria Gadelha Gil Moreira de Godoy, tenho 42 anos, sou casada, mãe de um homem de 21 anos e avó de uma boneca de 8 meses, sou filha da mistura.

Publicidade

Nasci em um país miscigenado, tenho em mim o sangue indígena dos meus tataravós, sangue negro do meu pai, sangue branco da minha mãe e um coração repleto de amor e orgulho pelas minhas origens".

  • Nego do Borel

Durante um show em uma Boate no Rio de Janeiro, o funkeiro nego do Borel sofreu ataques racistas de um homem que assistia a seu show. Irritado, o cantor partiu para cima do homem; confira:

  • Ludmilla

Por fim, um internauta escreveu em uma rede social da cantora Ludmilla: "Nojo, negra, macaca, feia".

A cantora fez questão de responder ao internauta em seu Facebook: "Pessoas como você deveriam estar atrás das grades e não nas redes sociais, seu racista hipócrita". #13ReasonsWhy