Hoje em dia, tudo pode ser compartilhado pela #Internet, sejam fotos, vídeos ou textos. A pessoa pode pensar em qualquer coisa ou querer compartilhar certos momentos do seu dia e simplesmente tornar tudo isso público. Muitos sabem lidar bem com tal tipo de exposição, enquanto outros, simplesmente exageram ou não sabem bem como usar tais recursos e acabam extrapolando.

Depois da febre do ‘nudes’, que é a prática de enviar fotos sensuais pela internet, chegou a vez dos vídeos eróticos caseiros. Muitos estão aderindo essa nova tendência e estão enviando imagens íntimas pela web, sem ao menos se importarem com tamanha exposição.

Publicidade
Publicidade

Por outro lado, existem outros que estão indo bem além e estão divulgando suas relações sexuais verdadeiras de um modo bem escancarado, passando assim dos limites que as pessoas normais imaginam.

Em busca do prazer

Ao que tudo indica, os #casais que embarcaram nessa nova onda não estão buscando fama ou dinheiro através dos seus vídeos e fotos comprometedoras. Eles estão buscando algo mais curioso, querem experimentar diferentes maneiras de consumir material pornográfico juntos, tudo mais real, sem a participação de artistas, do uso de produções e cenas artificiais. Que é o que esse tipo de indústria erótica tradicional normalmente oferece.

Embora seja algo difícil de acreditar, já existem tipos de plataformas de redes sociais que ajudam a reunir esses tipos de casais. A ‘Make Love Not Porn’, a ‘Loverealsex’ e a 'OMGYes’, são só algumas das que ajudam essas pessoas a se exibirem dessa forma.

Publicidade

Desse modo, reúnem um público que está em busca do mesmo tipo de satisfação, que querem interagir e admirar outras pessoas que igualmente estão ali para se excitarem com tais vídeos caseiros. [VIDEO]

Terapia em grupo ou...?

Além de oferecem o serviço de compartilhamento e troca de materiais, essas plataformas também possuem fóruns de debates que oferecem dicas especiais para os casais apaixonados. São orientações de poses e diferentes práticas que servem tanto para homens, como também para as mulheres que desejam melhorar o seu desempenho e talento para atuar nos vídeos.

Para quem ainda não entendeu bem essa nova moda, trata-se de casais que se filmam ou se fotografam tendo relações sexuais, tudo do modo tradicional mesmo, em suas casas ou em outros lugares que quiserem. Depois, eles compartilham o vídeo, ou as fotos, nesses sites para outras pessoas – que fazem o mesmo – assistirem.

Agora, basta saber quem tem coragem o bastante para ser adepto dessa nova moda, não é mesmo? E você, teria coragem de se expor assim com o seu cônjuge? #relação sexual