Na #Novela "Pega Pega", o grande mistério, o roubo do dinheiro do hotel, não é um grande mistério, pois os telespectadores já sabem quem são os culpados. Por este motivo, este folhetim das sete é tão contrária aos enredos normais das novelas, que sempre guardam um grande mistério até fim da trama. A história não deixa de ser interessante por este motivo, pois tem bastante enredo. Mas, um bom mistério é sempre envolvente. Relembre 8 mistérios que marcaram a televisão brasileira:

O Lobisomem - Roque Santeiro (1985)

Na novela "Roque Santeiro", o grande mistério era em torno do lobisomem, que ataca as mulheres em noite de lua cheia.

Publicidade
Publicidade

A cidade de Asa Branca não ficava tranquila nestas noites, sendo que o principal suspeito dos ataques é o #professor Astromar Junqueira (Rui Resende), um sujeito muito misterioso e sombrio. No último capítulo foi possível descobrir a verdade, pois o professor se transformou em lobisomem, mas, para o povo da cidade, o mistério foi mantido e eles nunca souberam da verdade.

Mascarado – A Viagem (1994)

A novela "A Viagem" é uma das melhores de todos os tempos. Além de personagens marcantes, como os protagonistas Dinah, Otávio e Alexandre, que morreram e estavam em luta constante, ainda contava com o "Mascarado", um sujeito estranho, mascarado, que vivia fazendo truques de mágica. Alguns personagens interagiam com ele, outros demonstravam medo. Este mistério não é revelado apenas no final da novela, pois logo Carmem (Suzi Rego) descobriu que a figura misteriosa era um ex-namorado que havia sumido.

Publicidade

Seu nome era Adonay e ele usava máscara, pois seu rosto ficou desfigurado depois que sofreu um acidente.

O Cadeirudo - Indomada (1997)

Na "Indomada" havia um "Tarado Ancudo" que atacava mulheres nas noites de lua cheia. Ele atacou a esposa do prefeito, Scarleth (Luiza Tomé), e muitas outras personagens. Na cidade fictícia de Greenville todos tinham medo ao sair de casa nas noites de lua cheia. Nos últimos #capítulos descobriram que o Cadeirudo não passava da beata Lurdes Maria (Sônia de Paula), que queria assustar as quengas e as mulheres da cidade, tudo em nome da moral e dos bons costumes. Ela não foi presa, pois só assustava as mulheres.

Mulher de Branco - Tieta (1989)

Em "Tieta", havia muitos mistérios [VIDEO]. Além da caixa misteriosa da beata Perpétua (Joana Fomm), que era guardada a sete chaves, ainda tinha uma mulher de branco que atacava os "pobres" homens da cidade. Todas as noites ela atacava um homem; eles viam o seu rosto, mas nunca entregaram a sua identidade. Apenas no último capítulo ela foi descoberta: era a personagem Laura (Cláudia Alencar), esposa do Capitão Dário.

Publicidade

Sufocador de Piranhas - Duas Caras (2007)

A lua cheia inspira as tramas de mistério nas novelas. Em "Duas Caras" não foi diferente, pois o “Sufocador de Piranhas” sempre atacava nessas noites. Seu principal alvo eram as ex-dançarinas e as mulheres da Portelinha, favela fictícia da trama. Nessa novela, o verdadeiro mistério não ficou resolvido para os personagens, apenas o público descobriu que o sufocador era Geraldo Peixeiro (Wolf Maya), ex-integrante do grupo [VIDEO] de Juvenal Antena (Antonio Fagundes).

O Namorado do Crô - Fina Estampa (2011)

Em "Fina Estampa", o mistério ficou nas mãos de Crô (Marcelo Serrado). O mordomo e braço direito de Teresa Cristina (Christiane Torlone) vivia um amor secreto e nem mesmo a sua “a rainha do Nilo” conhecia a identidade do seu crush. O mistério girava em torno de uma tatuagem de escorpião no pé, que era a única parte do corpo do namorado de Crô que aparecia. Logo o público imaginou que, quando aparecesse um homem com a tatuagem, descobriria o mistério, mas, para desalento geral, vários homens da trama tinham a mesma tatuagem, entre eles Baltazar (Alexandre Nero) e Ferdinand (Carlos Machado). E o mistério continua...

O Palhaço - Vidas em Jogo (2011)

Alerta de spoiler. É a história de dez amigos que ganham na loteria. Eles fazem um acordo e têm que cumprir tarefas estilo "Missão Impossível" para receber a outra metade do prêmio. No meio da trama, aparece o "Palhaço", estilo palhaço assassino, e começa a exterminar os participantes do bolão. Ele mata Andrea (Simone Spoladore), Augusta (Denise Del Vecchio) e deixa Jorge (Sacha Bali) desfigurado. Os telespectadores começam a desconfiar dos integrantes do bolão. Mas, a trama só é resolvida no último capítulo, quando todos descobrem que tudo não passou de um plano de Adalberto (Luís Guilherme) para proteger o grupo de amigos.

O Disco Avoador - Flor do Caribe (2013)

Na novela "A flor do Caribe", o ator José Loreto deu um show interpretando Candinho, um sujeito que tinha como melhor amiga uma cabra, chamada de Ariana. Mas, o maior mistério era uma história que Candinho contava sobre o "disco avoador". Ele repetia sempre a mesma história, na qual dizia que sua mãe e ele andaram de "disco avoador". O mistério é desvendado quando ele descobre quem é seu verdadeiro pai, Dionísio Albuquerque (Sérgio Mamberti) e leva para ele um disco voador e então o velho destrói o brinquedo, revelando que o jovem se lembra do dia em que sofreu o acidente no parque provocado pelo seu próprio pai, o que lhe causou um problema psicológico.