Publicidade
Publicidade

Um momento horrível foi flagrado por várias famílias que estavam comendo em um restaurante #McDonald's, de #Liverpool, Inglaterra. Sem que nada o fizesse prever, as pessoas foram surpreendidas por um homem nu, injetando drogas em seus testículos. O restaurante estaria cheio quando isso aconteceu, esse que é um dos McDonald's [VIDEO] mais movimentados da cidade. A polícia foi chamada ao local, e uma mulher descreveu o momento dizendo ter visto o homem espetando a agulha em seus órgãos genitais, enquanto fazia uns "ruídos estranhos".

Que situação a vivida por algumas pessoas, que apenas pretendiam compartilhar uma refeição em família.

Publicidade

No entanto, as famílias até recuaram perante o horror, quando a polícia entrou para levar esse homem. Uma mulher viu de frente a cena, e se encheu de lágrimas, reagindo de forma mais histérica, se trancando no banheiro, até a polícia chegar.

Ela ficou em estado de choque com o incidente e pediu para a polícia não revelar sua identidade. Ela declarou também para a imprensa local, mas manteve seu anonimato. Foi ainda muito chocada que ela descreveu essa situação para o jornal The Liverpool Echo. Ela revelou que ia todas as manhãs nesse restaurante, antes do trabalho. Tomava sua xícara de chá e só depois seguia seu caminho. Nessa manhã, ela deu ainda um pulo no banheiro e foi quando estava saindo que ela viu esse homem, completamente nu, e se injetando em suas partes íntimas.

Ela não percebeu o que estava acontecendo, mas ficou ainda mais enojada pelos ruídos que o homem estava fazendo.

Publicidade

Essa testemunha contou que não sabia se aquilo era algum tipo de satisfação sexual ou se era somente o alívio por estar injetando sua #droga. O que ela sabe é que o que ela assistiu, no exterior daquele banheiro, foi demasiado nojento e chocante. Ela ficou em lágrimas e durante vários minutos, ela simplesmente não conseguia parar de chorar.

Ela se trancou no banheiro, em pânico, e a polícia chegou e deteve o homem. Ela contou que ficou no restaurante mais uns 25 minutos, até conseguir sair e regressar ao trabalho, mas garante que passou todo o dia chorando. A testemunha disse que o incidente aconteceu em julho, mas a deixou tão abalada que ela ainda sente medo de retornar nesse restaurante.

Um porta-voz do McDonald's disse ao jornal The Liverpool Echo que isso não passou de um incidente isolado e foi tratado rapidamente pelos funcionários e pela polícia. Ele disse: "A segurança de nossos clientes e funcionários é de extrema importância para nós e trabalhamos em estreita colaboração com as autoridades locais para garantir que nossos restaurantes permaneçam receptivos para todos".

Se desconhece, ainda, o que aconteceu com esse homem que foi levado por atentado de decência pública, e ter "perturbado a paz", de acordo com a polícia.