A gravidez é um momento que geralmente traz muita alegria para os casais. Pessoas que se amam e se unem no matrimônio anseiam pelo exato momento em que vão colocar no mundo em herdeiro.

A chegada de um bebê acaba revolucionando a vida de toda a família, não somente do casal envolvido. Isso porque pais, avós e tios também são parte importante da criação de uma criança, e geralmente estão lá para dar todo o apoio à mamãe e ao papai.

Mas quando a gravidez é planejada e pensada, ao menos os pais estão mais preparados para a chegada do novo membro da família. Uma gravidez esperada faz com que o casal tenha reservas financeiras, prepare o enxoval com antecedência e receba a criança em uma situação completamente favorável.

Publicidade
Publicidade

Já quando isso é um susto, pode pegar a todos desprevenidos. Mais ainda se o casal de pais for adolescente. E isso é uma coisa cada vez mais comum no Brasil e em todos os países.

A iniciação sexual tem acontecido cada vez mais cedo, principalmente porque os #jovens têm grande acesso a conteúdos eróticos na internet e rapidamente despertam o interesse por esse tipo de atividade.

Apesar de serem bombardeados de informações por todos os lados na web, poucos adolescentes ou pré-adolescentes se atentam também às informações referentes aos métodos contraceptivos, e em muitas culturas isso ainda é um tabu, ou mesmo crime.

Existem também povoados e religiões em que o casamento de meninas muito novas com homens às vezes 40 ou 50 anos mais velhos é autorizado, o que faz com que essas crianças gerem filhos muito cedo, às vezes antes mesmo dos 10 anos.

Publicidade

São diversos os motivos que podem levar uma pessoa a uma gravidez precoce, mas é inegável que essa situação é assustadora tanto para quem vê de fora, e ainda mais para quem está de fato passando por isso.

Veja aqui alguns pais que ainda têm cara de crianças

A gravidez precoce é um problema no Brasil, mas também acontece muito em outros países. Os Estados Unidos chegaram a produzir uma série no formato documentário intitulada “Grávida aos 16”, que tinha a intenção de acompanhar jovens grávidas a partir de sua quarta ou quinta semana de gestação até o nascimento da criança.

No programa, era possível ver as diferentes situações de meninas que engravidam muito cedo, e, na maioria das vezes, eram abandonadas por seus namorados, que preferiam se eximir de toda a responsabilidade dos bebês.

A verdade é que uma gestação na adolescência muda radicalmente a vida do casal, e pode ser determinante para o futuro dos dois. Seja por questões culturais ou mesmo por problemas sociais, esse é um assunto que deve ser debatido com atenção.

Publicidade

Veja a seguir fotos de alguns pais muitos novos e que sequer parecem estar preparados para cuidar de um bebê.

1 – Thuli Shaka

Com apenas 10 anos de idade, a #Jovem teve seu primeiro #filho.

2 – Alleshia Gregson

Ela foi mãe com 12 anos de idade.

3 – Kordeza Zhelyazkova

Kordeza deu à luz com apenas 11 anos de idade.

4 – Jordan Williams e Tia John

O casal tinha impressionantes 14 anos de idade.

5 – Tressa Middleton

Ela ficou grávida aos 11 anos de idade.

6 – Alfie Patten e Chantelle Steadman

Quando teve seu filho, Alfie tinha apenas 13 anos de idade.