Publicidade
Publicidade

Há um ano, uma polêmica envolvendo o atleta olímpico #Usain Bolt quebrou a internet e a grande mídia do mundo inteiro. Durante sua passagem pelo Brasil para competir nas Olimpíadas do Rio, o velocista passou a noite com uma brasileira que expôs o momento íntimo nas redes e virou notícia em todo o mundo. Batizada pela imprensa como #Jady Bolt, a moça deu entrevistas a jornais nacionais e internacionais, participou de programas de auditório e até esteve presente em um reality show de uma emissora francesa.

Um ano depois, ela voltou a aparecer na mídia, mas com um desfecho bem mais humilde. Ela, que no começo do ano disse ter investido o dinheiro conquistado com a #Fama de amante do atleta em quitinetes, atualmente trabalha como revendedora de cosméticos.

Publicidade

Ao jornal Extra, em fevereiro deste ano, a moça disse ter conseguido juntar cerca de R$ 400 mil com a participação em programas e presença VIP em festas. Procurada pelo portal de notícias UOL para falar como anda sua vida após ter conhecido o velocista, Jady se negou dar entrevista e disse que só falaria ao portal caso recebesse cachê. [VIDEO]

Assustado com a proposta da subcelebridade, o repórter do portal tentou explicar Jady sobre como funciona as entrevistas e que nenhuma mídia pode pagar pelas fontes, mas mesmo após as explicações, a moça insistiu que só daria informações sobre sua vida pessoal caso tivesse um cachê. Mesmo sem viver com o luxo conquistado em agosto do ano passado, Jady se posiciona como uma celebridade famosa e tem até empresário, seu namorado Patrick Morais. Ela, inclusive, sugeriu que o repórter o procurasse para tratar dos valores e agenda dela.

Publicidade

A atitude da moça rendeu vários comentários nas redes sociais [VIDEO], onde diversas pessoas a acusaram de arrogante por não querer conceder entrevista ao repórter. Algumas delas até tentaram inferiorizar a moça devido à forma que ela ganha a vida atualmente, que é vendendo cosméticos, atividade exercida por milhares de pessoas no Brasil. Na época em que ganhou destaque na imprensa, Jady era estudante, mas largou os estudos para se dedicar à carreira de modelo.

O fim da fama

Jady Duarte, que quis retirar o sobrenome do atleta do seu nome, vive hoje em dia com poucos seguidores nas redes sociais, mesmo após toda a polêmica de expor o momento íntimo vivido com o famoso atleta. No Instagram, ela acumula cerca de 11 mil seguidores com pouca interação na rede.

Mesmo com os holofotes apagados, Jady ainda se nega a conceder entrevistas e tudo indica que ela queira viver uma vida longe da fama. Seu último trabalho na vida de subcelebridade foi a uma festa em novembro do ano passado.