Publicidade
Publicidade

Para a maioria das pessoas, ir ao #Médico acaba se tornando uma tarefa difícil. É incrível como elas procuram ajuda de um profissional apenas quando estão doentes, na verdade, a maioria das doenças poderiam ser evitadas caso fossem descobertas no início. O câncer [VIDEO]por exemplo, aumenta as chances de cura quando é diagnosticado previamente, mas, mesmo assim muito ainda decidem procurar o médico apenas nos últimos casos.

Se você é mulher sabe da importância de ir ao ginecologista fazer exames de prevenção. Muitas, apesar de não gostarem, seguem perfeitamente o procedimento e com isso evitam diversos tipos de doenças.

Publicidade

O que você talvez não saiba, é que devido à profissão muitos ginecologistas não podem dizer, mas odeiam certos hábitos de suas pacientes.

Confira alguns deles:

1 – Partes íntimas peludas

Acredite, além de ser uma questão de higiene, depilar as partes íntimas com certeza irá ajudar o médico no diagnóstico. Além dele poder encontrar dificuldades em examinar a paciente por causa dos pelos, esse costume também demonstrará a falta de higiene da pessoa.

Alguns médicos já disseram que os pelos acabaram dificultando na hora do exame, além disso, eles também sentiram desconforto em examinar suas partes íntimas, pois elas estavam com muito pelos.

2 – Evitar falar sobre coisas que não sabe

Outro erro bastante comum é procurar informações na internet antes de fazer a consulta. Isso acaba gerando uma espécie de atrito entre médico e paciente, pois elas darão opinião baseando-se em pesquisas feitas em outros locais.

Publicidade

Acredite, seu médico estudou durante anos para isso e sabe o que está fazendo.

3 – Fugir dos exames

A maioria das pessoas odeia ir ao hospital fazer exames de rotina. Por causa disso, acabam procurando o médico apenas quando sua #Saúde já está prejudicada. Com isso, fica mais difícil tratar de doenças que já estão em estado avançado.

Tenha em mente que é muito importante fazer a prevenção de doenças através de exames de rotina. Dessa forma, você será uma pessoa mais saudável e despreocupada com relação a sua saúde.

4 – Não debater sobre sua vida sexual com seu médico

Outro erro bastante comum entre as #mulheres é não falar com seu médico sobre sua libido e vida sexual. Muitos problemas envolvendo a falta de libido podem ser consequências de outros problemas de saúde como hormônios e etc.

Por isso, não fuja das perguntas do médico e procure ser a mais sincera possível. Sua saúde agradece!