Cinco pessoas. Esse é o número de pessoas assassinadas recentemente no sul do Malauí - após terem sido acusadas por grande parte da população de ter cometido um crime terrível. O presidente do país Peter Mutharika exigiu investigações sobre as mortes e declarou toque de recolher para prevenir uma carnificina. O toque de recolher durará dez horas, das 7h da manhã até as 17h, no horário do país.

O motivo? Ataques constantes de #Vampiros. As pessoas estão aterrorizadas com os supostos casos de corpos encontrados com o sangue sugado. Após a onda de histeria coletiva, diversas pessoas foram assassinadas sob a acusação de beberem sangue humano e realizarem rituais de magia negra.

Publicidade
Publicidade

O vampirismo sai dos filmes de ficção e se transforma em realidade?

Em um relatório, a #ONU afirmou que os rumores de que vampiros estariam atacando a população teriam surgido em Moçambique, país vizinho ao Malauí. A história atravessou a fronteira através dos distritos de Mulanje e Phalombe.

O documento publicado pela ONU diz que não se sabe ainda o que motivou tais rumores e determina que todas as atividades do órgão sejam suspensas até que a situação se normalize.

O local onde teriam o ocorrido os ataques

O Malauí é um dos países mais miseráveis do mundo. Por essa razão, é comum que existam muitas organizações humanitárias e agências de diversos países. Segundo informações da BBC, os níveis educacionais no país são extremamente baixos e a crença em bruxaria e ataques de vampiros é algo muito recorrente.

Publicidade

Relembre outros casos de ataques de vampiros

Em 2011, uma mulher foi encontrada nua e coberta de sangue após morder idoso no estado da Flórida, nos Estados Unidos. Milton Ellis, a vítima de 69 anos, ouviu da mulher que ela era uma vampira e que o iria atacar.

O ataque foi bastante grave. Ellis foi mordido no rosto, nos braços e também nos lábios. Apesar dos ferimentos graves ele ainda foi capaz de ligar para o serviço 911 (o serviço de emergência dos EUA) e chamar ajuda. Tudo indica que a mulher é uma vítima de transtornos mentais e que atacou o homem durante um surto psicótico. O fato mais assustador deste caso é que o homem realmente teve o sangue chupado pela mulher.

Ao longo da história da humanidade inúmeros casos de ataques de vampiros já foram registrados. Um dos casos mais assustadores é o de Peter Plogojowitz. Não se sabe é uma história real ou de uma lenda urbana criada em torno do ocorrido.

O fato é que o homem viveu na Sérvia, no ano de 1700, e foi visto por familiares antes de suas respectivas mortes. Sempre que aprecia ele exigia algo das vítimas. Antes de ir a óbito, diversas pessoas declararam terem sonhado com Peter. Segundo o boato, em seus sonhos o homem as estrangulava. De acordo com o Zona33, o corpo de Peter foi exumado e constatou-se que ele ainda respirava. #Malauí