Publicidade
Publicidade

O sonho de muitas mulheres é entrar em um relacionamento em que elas sejam amadas e respeitadas. Porém, nem sempre é assim que acontece. Frequentemente, mulheres são vítimas de abuso por parte do parceiro. Quando isso acontece, algumas mulheres conseguem tomar uma atitude séria e sair logo desse relacionamento. Entretanto, outras continuam namorando mesmo depois de terem sido humilhadas pela pessoa amada. Uma jovem de 23 anos viveu uma história aterrorizante em seu último relacionamento. Eliane Mastrodomenico relatou sua história nas redes sociais e comoveu muitas pessoas.

O testemunho da jovem de 23 anos

Eliane relatou em seu ‘desabafo’ que o desejo que ela tem é de poder apagar o que ela viveu durante quase um ano de relacionamento.

Publicidade

A jovem conta que pensou muito antes de tomar a decisão de escrever a respeito de sua própria vida. Depois de tanto pensar, ela chegou à conclusão que expor o que tinha acontecido com ela era a coisa certa a fazer. Mastrodomenico acredita que o seu desabafo poderá servir de encorajamento para muitas mulheres que passam pela mesma situação que ela viveu um dia. Segundo o testemunho de Eliane o último ano de sua vida foi algo que lhe deixou muito atormentada. Ela relatou de um #Relacionamento Abusivo que aconteceu com ela mesma. O apelo dela é para que as garotas não se culpem da mesma forma que ela se culpava quando sofria algum tipo de abuso. Em sua carta ela afirma que somente a própria mulher consegue sair de um relacionamento abusivo e dessa forma colocar um ponto final no sofrimento pelo qual se está passando.

Publicidade

Um homem encantador

Ainda em seu relato a jovem conta que quando se envolveu com seu parceiro ele era uma pessoa muito encantadora. Porém, com o tempo, ele se revelou e a humilhava muito.

Pedindo perdão para a própria mãe

As pessoas se comoveram quando perceberam que em seu relato, Eliane pedia perdão para a própria mãe. Ela se culpava por ter sido fraca, por ter aceitado ser maltratada e humilhada. A jovem que pedia desculpa para sua própria mãe disse que acreditava no amor e estava ‘cega’, por isso ela acabou magoando pessoas que queriam o bem dela.

Ela explica como o agressor a convenceu que lhe daria amor

Eliane afirma que o agressor olha uma mulher nos olhos para convencê-la de que lhe dará muito amor. De uma forma perspicaz, o agressor quer convencer a parceira que a melhor coisa a se fazer é permanecer ao lado dele. Ela ainda afirma que o homem que comete abusos contra a mulher em um relacionamento tentará fazer com que ela acredite que a culpa não é dele por tê-la machucado.

Publicidade

Ele quer que a mulher acredite que a culpa é dela por não conseguir perdoar.

Eu apanhei quatro vezes

De acordo com Eliane as agressões ocorreram quatro vezes. Ela ainda afirmou que muitas vezes as agressões aconteciam por paranoias que ele causava.

Comoção nas redes sociais

O texto publicado por Eliane foi muito compartilhado. As pessoas se comoveram com a história dela e acreditam que esses relatos poderão ajudar outras mulheres a abandonarem um relacionamento abusivo.

Lembre-se de deixar o seu comentário. Sua opinião é muito importante para a nossa equipe e sempre ajuda no diálogo de temas com relevância para a nossa sociedade. #covardia #Tendências