Publicidade
Publicidade

A fama, o sucesso, nada disso vem de graça. São recompensas de suor e trabalho. Apesar de terem se desdobrado e trabalhado muito [VIDEO] para manter o sucesso, esses artistas perderam tudo o que tinham, tudo o que construíram e hoje são lembrados poucas vezes pelo público.

Não é raro uma carreira que envolva a mídia ter um final rápido. Isso é visto isso todos os dias com celebridades instantâneas. Mas esses artistas não são esse tipo de celebridade, alguns deles chegaram até mesmo a protagonizar papéis #Famosos. Conheça agora, cinco famosos brasileiros que perderam tudo o que tinham.

Pepê e Neném

A dupla formada pelas gêmeas Potiar e Potiguara, conhecidas na mídia como Pepê e Neném, fez sucesso nos anos 2000 [VIDEO] com seus hits musicais que misturavam pop e R&B.

Publicidade

A história de vida das cantoras é triste e de superação. Em 1999, as irmãs lançaram seu primeiro álbum que conseguiu, Disco de Ouro.

A dupla levou um golpe de seu próprio produtor musical, perdendo tudo o que tinha, inclusive a casa e sua credibilidade, pois o produtor marcou shows e recebeu o cachê sem que elas nem soubessem das apresentações.

Rafael Ilha

O cantor do grupo Polegar, que embalou a trilha sonora de muitos adolescentes nos anos 1980, também enfrentou o auge e o declínio da carreira. Todos imaginavam que o dinheiro conseguido na adolescência daria para passar uma vida sossegado, mas não foi isso que aconteceu. Rafael, foi um dos primeiros integrantes a sair da banda e torrou seu dinheiro, principalmente com drogas. O cantor chegou a ser preso oito vezes e a virar morador de rua.

Publicidade

Rafael se encontra recuperado e hoje vende livro onde conta sua história.

ET e Rodolfo

Grandes humoristas que marcaram quadros do programa “Ratinho Urgente”, na Rede Record. Após o sucesso, a carreira dos dois humoristas teve o auge no programa “Domingo Legal”, onde acordavam artistas em suas casas de modo surpresa.

Em 2001, a dupla se desfez. ET faleceu, e Rodolfo vive em uma situação financeira difícil. Ele apareceu em alguns programas dizendo que processou o SBT por uma série de direitos trabalhistas não pagos.

Sol

A famosa cantora do programa do Chacrinha ficou conhecida pelos seus looks irreverentes. Ela também participava do “Clube do Bolinha”, cantando sucessos internacionais. De música em música, Sol viajou pelo mundo com shows, mas quando voltou ao Brasil, passou a viver uma situação trágica. Ela e a mãe chegaram a morar na rua por falta de dinheiro para pagar moradia.

Renato Rocha

Baixista do Legião Urbana, o músico, contratado de última hora devido a um acidente de Renato Russo, fazendo com que não conseguisse tocar.

Publicidade

No primeiro show, Renato já mostrou seu talento e seguiu acompanhando a banda nos três primeiros discos de grande sucesso. Em 1989, foi expulso do Legião Urbana devido aos atrasos. Em 2012, o baixista foi encontrado por repórteres como morador de rua.

Levado aos palcos novamente em homenagens ao Legião, parece que Renato ainda convivia com problemas com bebidas e drogas. Mais tarde, no ano de 2015, o músico foi encontrado morto em um quarto de hotel.

Há quem diga que esses artistas perderam tudo o que tinham por imprudência. Outros dizem que eles perderam tudo por fatalidade. Mas, de fato, são sucessos lembrados pelo público e que em algum momento caíram no esquecimento da mídia e hoje vivem em situações econômicas difíceis. #famosos falidos #Fama