Publicidade
Publicidade

Algumas descobertas surpreendentes trazem à tona materiais e notícias sobre tempos passados, que remetem a histórias impressionantes de alguma coisa que já aconteceu há muitos anos. Esses artefatos são considerados verdadeiros tesouros e alguns deles podem valer até mais que ouro, dependendo da importância do objeto encontrado. Pode mser coisas milenares e até mesmo coisas feitas já na modernidade, que fazem com que o achado se torne especial, ao revelar um mistério naquilo que o objeto representa.

Várias pessoas ganham a vida dessa forma, encontrando coisas valiosas que muitas vezes passam despercebidas pela maioria das pessoas, e quem as conhece lucra com a sua revenda do seu tesouro encontrado.

Publicidade

Recentemente, quem teve a sorte de encontrar algo que fora escondido há muito tempo foi um pedreiro, que estava realizando uma obra de reforma em uma casa.

Pedreiro jamais imaginaria que entre os destroços daquela parede um mistério estava prestes a ser descoberto

O homem jamais imaginaria que entre os destroços daquela parede um mistério estava prestes a ser descoberto por ele. Entre os escombros que se originaram na reforma, uma pedra chamou a atenção de um dos pedreiros, pois nela se encontrava algo preso por outra pedra menor em uma espécie de um buraco retangular. A abertura chamou a atenção de James Whiting, que trabalhava para a empresa Castle Reclamation, uma empresa especializada em restauração no Reino Unido.

Inglaterra possui diversos prédios centenários que sobreviveram aos ataques da Segunda Guerra Mundial

O país possui uma arquitetura secular e conta com prédios centenários, que sobreviveram aos ataques da Segunda Guerra Mundial.

Publicidade

O homem que encontrou a pedra estranha trabalhava na recuperação desses objetos [VIDEO] e resolveu averiguar o que poderia estar dentro daquela abertura selada com outra pedra.

Achado de James era do final do século 19 e pode ser comprovado por jornal da época encontrado na abertura da pedra

Quando James abriu a pedra, percebeu que várias coisas estavam lá dentro, e pôde saber que era do final do século 19. A decisão precisa sobre isso pode ser confirmada por um jornal da época que também estava na abertura, datado em 1880. A descoberta revelou também um frasco de vidro, e tudo fora colocado ali há 152 anos atrás, sendo considerado um verdadeiro achado o que o homem encontrou dentro da pedra.

A descoberta aconteceu em uma região chamada Martock, que fica próximo a Yeovil, na Inglaterra. No achado também foi encontrado um documento que falava sobre a extinção de dívidas de uma igreja localizada em South Peterson [VIDEO]. O homem pretende substituir os documentos por algo atual, como uma cápsula do tempo, para que futuramente alguém possa encontrar o objeto como ele fez.

#superação #curioso