Publicidade
Publicidade

O melhor amigo do homem tem inúmeras qualidades, é um ser inteligente e com um instinto natural muito potente. Estudos científicos comprovam que os cães [VIDEO] também possuem emoções humanas, podendo diferenciar expressões felizes e tristes e, inclusive, podem até sentir ciúmes de outro cachorro ou pessoa.

Mas será que os cães também conseguem saber se uma pessoa é de confiança ou não? A Universidade japonesa de Kyoto resolveu fazer um experimento para descobrir se os cães podem prever algo ruim no ar ou se a pessoa é ou não confiável.

A avaliação do cães

A equipe universitária liderada pelo pesquisador Akiko Takaoka testou 34 #Cachorros em um experimento onde apontavam coisas.

Publicidade

No primeiro teste, os pesquisadores apontaram para potes contendo alimentos que estavam escondidos. Na segunda simulação, apontaram para potes vazios, que também estavam escondidos. Na terceira prova, voltaram a apontar para postes cheios e foram ignorados pelos cães.

Baseado nesses dados, o cientista concluiu que os cachorros podem usar a experiência negativa para avaliar se os pesquisadores são ou não confiáveis. Depois de um tempo, um novo pesquisador que os cães não conheciam participou e voltou a apontar para o pote que estava cheio, e os cães foram atrás desta nova indicação.

O experimento mostrou que os cães desvalorizam muito rápido a confiabilidade das pessoas. Os animais demonstraram agir conforme experiências passadas e não esquecem decepções com os humanos. A mente do cachorro é muito sofisticada e possui uma memória potente, capaz de armazenar milhares de gestos e expressões faciais.

Publicidade

Assim, eles são capazes de notar algo que deixamos passar ou prever a intenção das pessoas.

A próxima experiência deverá ser com um parente próximo dos cães, os lobos, para saber se esse instinto os cães adquiriram com a convivência com o homem ao passar dos anos, ou é um instinto primitivo.

Você já deve ter passado por uma situação em que seu cão, que normalmente é amigável com estranhos, se torna agressivo do nada com algumas pessoas, enquanto com outras age naturalmente. Observe os sinais e quando seu cão tiver um comportamento fora do normal com alguma pessoa que você não conheça, tome cuidado. Ele pode estar acessando os dados que tem na memória e interpretando que aquela pessoa não é de confiança.

O estudo também serviu para mostrar que os cães são muito curiosos e gostam de se aventurar atrás do desconhecido. Os cachorros [VIDEO] vivem o agora, não ficam guardando mágoa sobre o passado nem planejando o futuro. Porém, quando se deparam com situações difíceis, podem acessar experiências vividas para tomar uma decisão.

Talvez os humanos precisem aprender mais com os cães e não o contrário. #MatilhaDoBem