Publicidade
Publicidade

Não é incomum que alguns estabelecimentos tenham um cachorro bravo para auxiliar na #Segurança do local. Até mesmo os donos de imóveis residenciais fazem uso deste recurso para proteger seus bens de ladrões que por acaso tentem invadir suas propriedades. Os cães favoritos para este tipo de trabalho são sobretudo os das raças Rottweiler e Pastor Alemão, devido a grande facilidade de aprendizado, sua lealdade aos donos e ao temperamento feroz que são capazes de ter com estranhos.

Na maior parte dos casos, a presença destes animais é sinalizada com placas para que pessoas desavisadas - e até mesmo os bandidos - não mexam, brinquem ou provoquem o animal.

Publicidade

Quem nunca leu um aviso informando sobre um ''cão bravo'' ou um ''cão feroz'' na fachada de uma casa, loja ou estacionamento?

Mesmo que a maioria das pessoas temam estes avisos, e os respeitem, existem casos, como o da internauta Mariana Moreira, em que alguém resolve testar a ferocidade de um destes cães de guarda. E foi exatamente isso que Mariana fez. Vizinha de um estacionamento na cidade de Curitiba, a moça sempre observou o cão que fazia a segurança do local com uma certa curiosidade. Um dia, resolveu conhecer melhor o cachorro.

Ignorando completamente o aviso de ''Cuidado! Cão bravo!'', Mariana pegou um banquinho, subiu e chamou o cachorro por cima do muro que separava sua casa do estacionamento.

''Vem cá'', chamou ela. Foi então que o animal teve uma reação surpreendente.

Veja abaixo o vídeo da reação do cachorro; mas atenção! O comportamento feroz do animal é #Chocante:

Este amiguinho parece não estar nem um pouco interessado em seguir carreira como segurança.

Publicidade

''Como você é bravo, hein'', brinca Mariana, enquanto recebe diversas lambidinhas carinhosas do cachorro, que, além disso, não para de oferecer a cabecinha para que ela o acaricie. O vídeo ganhou o coração dos internautas, que ficaram chocados com a ''ferocidade'' do animal.

Até esta quinta-feira (7), o vídeo já contava com mais de 3,5 milhões de visualizações. Questionada a respeito de como o animal era tratado, Mariana respondeu, em seu Facebook, que o animal era bem cuidado pelo proprietário do estabelecimento.

A amizade que nasceu entre Mariana e o cachorro [VIDEO] foi tão verdadeira que a jovem perguntou ao dono do estacionamento se poderia ficar com o cão nos momentos em que ele não estivesse ''trabalhando''. Até o momento, não há informações a respeito da resposta do mesmo. #Cachorros