Publicidade
Publicidade

O filme O Jogo da Imitação conta a história do matemático britânico Alan Turing, que é considerado o pai da ciência da computação, que foi interpretado pelo ator Benedict Cumberbatch. [VIDEO]

Por volta da década de 40, em plena a Segunda Guerra Mundial, o matemático foi contratado pela organização do governo britânico, para liderar uma equipe com o objetivo de quebrar o código de uma máquina alemã, e assim podendo saber todos os passos deles, e usar as informações para vencer a guerra contra Hitler.

Enquanto todos membros se dedicavam para descobrir uma forma de quebrar o código dos alemães, Alan se mantinha trancado em uma sala separada, trabalhando em seu projeto sozinho, com isso gerava muita confusão por ele não trabalhar em equipe.

Publicidade

Todos os membros da equipe achavam ele muito individualista, porém quando eles entenderam a ideia de Alan, todos começaram a apoiá-lo, as coisas começaram a dar certo, e assim Alan conseguiu criar o primeiro #Computador do mundo.

Depois de muitos fracassos, ele utiliza o computador para quebrar os códigos dos alemães, assim ajudando o governo britânico a ganhar a guerra, e ajudando a salvar milhares de vidas.

Estudos apontam que a segunda Guerra Mundial causou mais de 50 milhões de mortes [VIDEO], mas esses números podiam ser muito maiores, se não fosse a inteligência de Alan para desenvolver um máquina para decifrar os códigos dos alemães e assim acabar com a guerra.

Essa máquina criada por ele foi desacreditada na época, muitos não botavam fé no trabalho de Alan, pois o mesmo era judeu e homossexual.

Publicidade

O filme foi lançado no ano de 2014, tendo um total de 8 indicações ao Oscar (maior prêmio do cinema mundial).

Vida de Alan Turing

Alan Turing sempre foi um garoto inteligente na escola, com isso sofria muito bullying e só tinha um amigo, Christopher Morcom, que foi por quem ele teve sua primeira paixão.

Durante a Segunda Guerra Mundial, Alan chegou a ter um namoro falso para não ser descoberto, pois na época pessoas homossexuais pagavam com a própria vida, a intolerância era zero.

O matemático, depois de contribuir para que o governo vencesse a Guerra, se suicidou no dia 7 de julho de 1954, injetando veneno em uma maçã e dando uma mordida. Muitos não sabiam que por esse motivo a Apple, maior empresa de eletrônicos do mundo, tem como seu logotipo uma maçã mordida, em homenagem a Alan Turing.

Porém, com todo esse feito, Alan morreu sem nenhum reconhecimento por ser homossexual, e só em 2013 a rainha Elizabeth deu reconhecimento ao seu trabalho. #Preconceito