Publicidade
Publicidade

Cada vez mais coisas estranhas estão acontecendo ao redor do mundo. Dessa vez, uma professora causou polêmica após dar uma aula sobre educação sexual na escola. Até então tudo bem, porém, o que chamou a atenção foi a maneira que ela resolveu criar para explicar sobre o uso correto da camisinha.

Ela iniciou a explicação usando um objeto de borracha que estava sendo segurado pelo #aluno. O estudante estava segurando o tal objeto na mesma posição de seu órgão genital, tudo isso em frente a turma inteira.

A gravação do vídeo mostrando a cena foi feito por outro aluno que acabou achando a cena engraçada [VIDEO] e posteriormente divulgada nas redes sociais.

Publicidade

Somente em uma das páginas onde o vídeo foi compartilhado, a publicação alcançou a marca de 4 mil visualizações e vários compartilhamentos.

A gravação logo gerou comentários e discussões feitas pelos internautas, que não gostaram da maneira usada pela professora ao ensinar os alunos como colocar a camisinha com a própria boca.

O vídeo tem cerca de 1 minuto e 20 segundos, e mostra a professora no caso ensinando para a classe como colocar a camisinha de maneira correta. Para isso, foi utilizada uma réplica idêntica ao órgão sexual masculino pelo qual a camisinha seria inserida. O grande problema foi a forma de articulação utilizada pela professora, ela entrega o objeto para um aluno que o coloca na mesma região de seu órgão sexual.

Após isso ela então começa a ensinar para os alunos a maneira correta de colocar a camisinha com a boca.

Publicidade

A cada novo passo dado pela professora os alunos simplesmente caem na risada, alguns chegam a dar gritos ao ver a mulher se agachar para a explicação.

Até mesmo ela começa a rir da reação de seus alunos. Então, a professora demonstra como seria a maneira correta e após isso recebe os aplausos dos estudantes que estavam no local. A gravação provocou tumulto e dividiu opiniões nas redes sociais.

Um grupo de pessoas [VIDEO]acredita que esse tipo de coisa deve ser ensinado em casa e não pelos professores em sala de aula. Outros acreditam que a educação sexual é um assunto escolar. Ou seja, de certa forma, a professora estava na verdade incitando os estudantes a terem relações sexuais.

Infelizmente nem todos os profissionais estão qualificados o suficiente para entender que certas coisas devem ser evitadas. Mesmo que a intenção da professora fosse boa, na mente dos alunos aquilo tudo pareceu, na verdade, outra coisa.

O vídeo ainda continua sendo compartilhado e dividindo opiniões, veja.

#professor #Saúde e Sexo