Na tarde desta terça-feira, 23, o pequeno Nyltow Rafael Pacheco dos Santos, de apenas 12 anos de idade, veio a falecer no Hospital Pequeno Príncipe, na capital paranaense. Vítima de uma fibrose pulmonar idiopática, uma enfermidade grave que acomete os pulmões, o menino Nyltow era conhecido, sobretudo, pela irmandade e mocidade da Congregação Cristã no Brasil, denominação religiosa evangélica frequentada pelo mesmo e pelos seus familiares.

Conhecido também pelos talentos da #Música e da pintura, Nyltow foi protagonista de diversas reportagens das emissoras de TV enquanto internado para tratamento de sua enfermidade, que o fazia desde quando possuía apenas dois anos de idade, em 2006.

Publicidade
Publicidade

Praticamente um autodidata, ele aprendeu a tocar instrumentos musicais como violino e acordeon, pelos quais executava, na maioria das vezes, melodias do hinário da Congregação, intitulado "Hinos de Louvores e Súplicas a Deus".

Com um sucesso alcançado por poucos brasileiros, Nyltow pintava telas que chegaram a ser expostas, inclusive, no Museu do Louvre, em Paris, capital francesa, um dos mais renomados museus do mundo, onde estão expostas pinturas de valor inestimável como a Monalisa, de Leonardo da Vinci, por exemplo.

"Para toda equipe e amigos do Pequeno Príncipe, Nyltow foi, e sempre será, um exemplo de garra, fé, amor e sabedoria", disse a nota divulgada pelo Hospital Pequeno Príncipe, de Curitiba/PR, onde o menino Nyltow fez todo o tratamento.

Nas redes sociais, a notícia do falecimento do menino Nyltow mobilizou os adeptos da Congregação Cristã no Brasil, que lamentaram o acontecimento com grande pesar.

Publicidade

Na página CCB Mensagens, maior fanpage destinada à irmandade da Congregação no Facebook, em poucas horas, mais de 5,5 mil reações, entre curtidas, e 600 compartilhamentos fizeram a notícia viralizar entre a irmandade. Outros meios de comunicação, como o Portal de Notícias da Globo - G1, por exemplo, também noticiaram o falecimento de Nyltow.

Conforme informações divulgadas pelo Hospital Pequeno Príncipe, o velório e o sepultamento de Nyltow serão realizados em Porto Amazonas, Campo Largo, região metropolitana de Curitiba. Na ocasião, é esperado que dirigentes da Congregação Cristã no Brasil realizem uma breve cerimônia funérea, onde se entoam hinos, oram e exortam algum trecho da Bíblia Sagrada.

#Igreja