Um #Acidente gravíssimo ocorreu na rodovia paraense na tarde deste domingo (03), deixando quatro pessoas mortas e mais de quinze feridas, três delas estão em estado grave, porém este número pode sofrer alterações. O fato aconteceu por volta das 18h, na BR-277. O motorista do caminhão-tanque, que transportava 44 mil litros de combustível, tombou na pista e provocou um incêndio. O motorista perdeu o controle e acabou se chocando com o muro que divide a rodovia. As duas pistas precisaram ser interditadas.

Uma criança foi localizada com vida perto de dois corpos que estavam carbonizados. Segundo informações de pessoas que presenciaram o acidente, a bebê recém-nascida encontrada era filha do casal que estava no veículo.

Publicidade
Publicidade

 A recém-nascida de apenas 17 dias de vida foi reconhecida por parentes, no Hospital Evangélico localizado em Curitiba. Segundo informações do médico pediatra responsável pelo atendimento da criança, os familiares ficaram extremamente emocionados ao reencontrá-la. “Essa criança tinha umas manchas de nascimento que só quem a conhecesse poderia identificá-la. A avó descreveu certinho essas lesões, então, confirmou que conhecia este bebê”, disse o pediatra. A criança passa bem e deverá receber alta em breve.

Investigação policial

Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal, 12 veículos de menor porte também se envolveram na tragédia e foram atingidos pelas chamas. O motorista do caminhão prestou depoimento e disse que o painel do caminhão avisou sobre o defeito nos freios. No entanto, resolveu  continuar com a viagem que culminou na terrível tragédia.

Publicidade

Ele fez o teste do bafômetro, mas não acusou que tenha ingerido álcool.

O motorista do caminhão foi preso e vai responder por homicídio doloso, quando há intenção de matar.

Imagens da tragédia

A câmera de segurança de um restaurante próximo ao local do acidente, captou imagens que mostram uma das vitimas com o calçado em chamas, depois de ter sido atingido por uma das explosões. Pessoas que presenciaram a cena acreditam que ele seja o pai da criança e afirmam que ele deixou a bebê na estrada. #Morte