O caso aconteceu em Londrina, no estado do Paraná. Um assaltante invadiu uma farmácia e anunciou um assalto. Um guarda municipal, que no momento da ação do assaltante estava fazendo compras no interior da farmácia, percebeu que a arma que o assaltante portava não era de verdade e partiu para cima do criminoso, entrando em luta corporal com o assaltante.

A tentativa de assalto foi filmada pelo circuito interno de câmeras do local, que registrou toda a ação do assaltante e o momento em que ele e o guarda municipal entraram em luta corporal. Assista ao vídeo abaixo:

O assaltante ameaçava clientes e funcionários da farmácia, quando, segundo informações da Policia Militar, o guarda municipal teria conseguido perceber que a arma que ele continha era uma arma de brinquedo.

Publicidade
Publicidade

Nesse momento, o guarda compreendeu que não correria riscos e, assumindo seu dever mesmo fora da hora de serviço, tentou dominar o homem.

A luta entre os dois se seguiu pelo interior da farmácia, onde acabaram danificando prateleiras e itens do estabelecimento, O assaltante, que foi identificado como Luis Carlos da Silva Junior, de apenas 22 anos, acabou levando a pior e foi agredido e dominado pelo guarda municipal. Um segundo homem, que teria visto a ação do assaltante, chega para auxiliar o guarda; o homem, armado, ajuda o guarda a dominar o assaltante e os dois agridem-no.A farmácia tinha câmeras de monitoramento e filmou toda a tentativa de assalto, bem como a ação do guarda que reagiu a tentativa de assalto.

O assaltante acabou levando vários golpes do guarda e do homem armado, entre eles coronhadas na sua cabeça.

Publicidade

Ferimentos esses que acabaram sendo atendidos pelo #corpo de bombeiros da cidade, antes do assaltante ser socorrido até um hospital.

Depois do atendimento do corpo de bombeiros, que estancaram o sangramento em sua cabeça, ele foi encaminhado para um hospital da Zona Norte da cidade para receber cuidados médicos. Policiais Militares o conduziram até a delegacia do 4.° Distrito Policial, após o assaltante ter alta. #Crime