Quem vai precisar fazer transações internacionais de dinheiro em sua conta bancária, vai se deparar com alguns códigos - IBAN, SWIFT e BIC - que serão necessários e indispensáveis para que isso se torne possível. Mas nada de apavorar-se, esses códigos são fáceis de conseguir, basta que o interessado se dirija à sua agência bancária e os solicite.

IBAN

O IBAN - International Bank Account Number é um código para identificação de contas bancárias. É um código padrão e internacional, que contém 29 caracteres - numéricos e alfanuméricos-. O motivo pelo qual foi criado foi com o intuito de facilitar o processamento de pagamentos e cobranças, assegurando a transmissão eficaz e correta de dados e reduzindo a necessidade de intervenção manual.

Publicidade
Publicidade

As vantagens são que o IBAN ajuda a evitar custos e demoras com relação a problemas associados à transmissões incorretas ou insuficientes de dados relacionados às contas bancárias.

No Brasil, foi regulamentado em 2013, pelo Banco Central, o uso do IBAN. Se estabeleceu o novo padrão em consenso com as associações de bancos do país. A circular determinava que a partir de julho de 2013 qualquer instituição financeira deveria fornecer a seus clientes a identificação de sua conta, na forma IBAN e que seria obrigatória o aceite de transferências recebidas com o código.

SWIFT (BIC)

O SWIFT e o código BIC são praticamente a mesma coisa. SWIFT é a sigla para Society for Worldwide Interbank Financial Telecommunucation, ou seja, Sociedade para Telecomunicações Financeiras Interbancárias Mundiais - que são as responsáveis por fornecer os códigos às instituições financeiras -, e BIC é Bank Identification Code, ou, Código de Identificação Bancária.

Publicidade

Basicamente eles determinam o código do banco, o país e a localização, através de seus 8 ou 11 dígitos. O código SWIFT é também o responsável por identificar as instituições financeiras das instituições não financeiras. O código agiliza as transações internacionais para torná-las mais rápidas e auxilia e transferência de dinheiro entre bancos em todo o mundo, além de ser utilizado para a troca de mensagens entre eles.

É importante lembrar que as taxas para transferências de valores internacionais devem ser consultadas diretamente na sua agência - e que cada instituição financeira tem suas tarifas próprias. #Negócios #Finança