A frase que ficou famosa por ser repetida diversas vezes em discussões políticas entre petistas e antipetistas poderá mais facilmente ser cumprida agora: vai pra Cuba! A companhia GOL Linhas Aéreas Inteligentes solicitou à Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) a autorização para poder voar com destino a ilha de Cuba.

O órgão irá analisar o pedido, caso seja aceito, aí sim a empresa poderá divulgar os detalhes do novo itinerário como: locais de destino, horários e quantidade de voos ofertados. A liberação não depende apenas da confirmação nacional, a Agência cubana também terá que abrir seu espaço aéreo e horários livres.

Publicidade
Publicidade

Um brasileiro que queira viajar para Cuba, atualmente, não tem a possibilidade de pegar um voo direto saindo do Brasil. A companhia aérea Cubana realizava o trajeto entre SãoPaulo-Havana desde julho de 2013, porém, em fevereiro de 2015 cancelou a rota. O presidente da GOL, Paulo Kakinoff, confirmou a informação para a colunista do ESTADÃO, Sonia Racy, e afirmou que a companhia fez um estudo da rota e é uma opção viável e lucrativa.

Crescimento do turismo

Após o anúncio feito pelos atuais presidentes de Cuba e Estados Unidos, Raúl Castro e Barack Obama, respectivamente, sobre o estreitamento das relações entre os dois países em dezembro do ano passado, o número de visitantes que chegaram a Ilha cresceu 16% no primeiro mês de 2015.

Foram 371.160 turistas que resolveram conhecer Cuba em janeiro, contra 320.063 no mesmo período do ano anterior, segundo relatório divulgado pela Oficina Nacional de Estatísticas (ONE).

Publicidade

O documento mostra que países europeus como Inglaterra, Alemanha, França e Itália levaram mais visitantes a famosa ilha comunista.

Afrouxamento do embargo

Apesar das restrições dos Estados Unidos para com Cuba tenham começado a diminuir, cidadãos americanos ainda não estão completamente liberados a visitar o país vizinho. Porém, o presidente Obama já abriu algumas concessões para que seus governados possam viajar até a ilha.

Os americanos se enquadram na categoria "Outros", segundo o relatório da ONE. Os números de visitantes "Outros" subiu de 66.195 para 75.435, crescimento de 14%. O sucesso da economia cubana passa diretamente pelo turismo, sendo esse a 2ª maior fonte de renda do País. #Viagem