A redução do número de ofertas de emprego em Campos dos Goytacazes e Macaé, no Rio de Janeiro, por causa da #Crise econômico-financeira que atinge a região norte fluminense, não abate o Diretor da Agência de #Trabalho e Emprego, Educação Profissional e Renda - Agetrab de Macaé, Alexandre Fernandes dos Santos. Ele se mostra otimista e acredita que a região irá se recuperar por causa da divulgação do Plano de Negócios da Petrobras, que pretende investir mais de US$ 130 bilhões e cujo foco é a produção.

"Apesar do momento difícil que estamos passando, temos de ser otimistas porque a nossa região é privilegiada, pela quantidade de empresas que há por aqui.

Publicidade
Publicidade

Quando esta situação crítica passar, a nossa região irá reagir de forma rápida e recuperará o tempo perdido", diz otimista.

Ele revela que o número de vagas sofreu queda vertiginosa desde o período que antecede a crise econômica, antes havia uma média de 1.500 ofertas de trabalho semanais. Atualmente, com a nova metodologia de trabalho que é a mesma do Ministério do Trabalho e Emprego, o estoque de oferta de vagas é semanal.

"O método que estamos empregando atualmente é o de abertura de vagas semanais. As empresas nos procuram, abrem vagas e às vezes levam algum tempo para preencher todas as vagas que necessita, por uma série de razões como, por exemplo, a exigência da capacitação profissional do trabalhador", salienta Santos.

O diretor acrescenta que a redução no número de vagas ofertadas pela Agetrab-Macaé, retrata o momento atual.

Publicidade

Para ele as empresas estão retraídas por causa da fase que estamos passando.

"Diante do quadro atual, podemos dizer que estamos no platô de uma situação. Isso significa que estamos em uma situação de estabilidade, mesmo com a quantidade de vagas ofertadas no início dessa semana que é de 407 vagas", explica.

Para o diretor da Agetrab-Macaé o anúncio da Petrobras divulgado essa semana, que prevê investimentos da ordem de US$ 130,3 bilhões para o período de 2015-2019, fará com que o setor se recupere.

"O anúncio do Plano de Negócios da Petrobras certamente irá recuperar o setor, uma vez que todo o investimento terá como prioridade a produção. E o foco da nossa região é justamente esse. Isso fará com que o mercado de trabalho volte à normalidade", disse Santos.

Essa notícia poderá recuperar o número de ofertas de vagas em 40%. Uma vez que as empresas voltarão a estabelecer suas metas de crescimento. Santos informa que o trabalhador precisa aproveitar esse momento para investir em capacitação, pois este será o diferencial para reconquistar uma vaga no mercado de trabalho.

"Há diversos cursos que são gratuitos, e o momento é este, o trabalhador precisa investir na sua qualificação, para estar apto a conquistar uma vaga em outras áreas da economia", conclui.