Após vários dias de especulações, a Nintendo veio a público anunciar o nome de seu novo presidente, Tatsumi Kimishima. Aos 65 anos, ele é formado em direito pela Hitotsubashi University, e trabalhou por 27 anos como bancário no The Sanwa Bank. Iniciou seu envolvimento com a Nintendo no ano de 2000 como chefe de finanças da Pokémon Company, quando em 2002 foi nomeado Presidente da Nintendo of America, cargo que ocupou até 2010. Foi promovido a Diretor Executivo da Nintendo of America. Em 2013, ocupou a cadeira de diretores na Nintendo Japão. Sua função atual era, até a data de hoje, nos recursos humanos da empresa. 

Com vasta experiência em negócios e finanças Tatsumi Kimishima, veio substituir Satoru Iwata, como escolha mais segura entre os nomes cotados.

Publicidade
Publicidade

Os acionistas perceberam que a Nintendo hoje necessitava de maior segurança em suas finanças e negócios. A atuação de Kimishima será mais direta incisiva nesses campos. Satoru Iwata possuia um "coração de gamer" e conduziu a empresa com "amor e razão". Kimishima veio conduzir a empresa com a "razão e amor", respectivamente, não possui um "coração gamer", mas será diretamente acessorado por Miyamoto e Takeda.

Miyamoto foi designado como Diretor Criativo e Takeda como Parceiro em Tecnologias. Tudo indica que esses dois nomes irão atuar, entre suas obrigações, mais diretamente com o público. Enquanto Kimishma será mais focado em negócios. Iwata, por exemplo, atuava nos Nintendo Direct apresentando para o público novas tendência e #Jogos. É possível que essa função irá ser executada por Miyamoto.

Publicidade

Podemos perceber isso já na E3 de 2015 quando Miyamoto veio a América ser o "garoto propaganda", enquanto que por motivos de saúde Iwata ficava no Japão, essa atitude levou muitos a acreditar que Miyamoto seria o novo presidente quando Iwata veio falecer. Também vemos Miyamoto em vídeos e anúncios de Super Mario Maker sua obra, mas como indícios de que sua atuação como Diretor Criativo venha a exercer o aquilo que o presidente assumia. 

Com esse novo quadro, a Nintendo procura estar mais atenta aos negócios, continuando sua atuação com os gamer, ou seja, não irá abandonar o Nintendo Direct ou o Iwata' ask, por exemplo. Mas o novo presidente irá dividir essas responsabilidade, pois ele mesmo será mais focado em negócios e finanças, veremos mais Miyamoto e Takeda e menos Kimishima nessas atribuições. Kimishima provavelmente atuará mais entre as negociações e estará mais atento ao mercado, levando a frente novos empreendimentos (como o NX). Esperamos uma boa administração para o novo presidente da Nintendo. #Finança