De acordo com pesquisas da empresa de consultoria ManpowerGroup, existem diversas áreas de #Trabalho que são mais difíceis de serem preenchidas. Os motivos vão desde a quantidade de profissionais disponíveis (que é escassa) até a qualificação profissional (falta de conhecimento e formação).

De 42 países, o Brasil ocupa o quarto lugar, onde 61% dos empregadores afirmam terem dificuldades para preencher seus postos de trabalho com mão de obra qualificada.

Conheça 8 áreas que mais necessitam de profissionais no Brasil

Área Técnica

Há no Brasil uma deficiência de bons profissionais no setor técnico. Áreas como edificação, eletricidade e automação exigem profissionais qualificados, mas que acabam não preenchendo as vagas por falta de mão de obra especializada.

Publicidade
Publicidade

O motivo principal é que muitos jovens têm optado por cursar uma faculdade ao invés de realizar cursos técnicos de curta duração.

Trabalhadores manuais

Esta categoria é a primeira no ranking na falta de pessoal. Engloba profissionais com habilidades autônomas e específicas, como as costureiras, sapateiros, pintores de parede, eletricistas, pedreiros e encanadores. Há realmente uma escassez neste setor a nível global, não apenas no Brasil.

Trabalhadores de escritório

Com o crescimento dos chamados "Home Offices" muitos profissionais que trabalhavam em empresas estão passando a optar pela autonomia profissional e trabalharem a partir de casa, ou ingressaram em cursos superiores da mesma área em que trabalhavam nestas empresas. Há falta também de trabalhadores com habilidades em línguas estrangeiras e com conhecimentos em Excel, que são bastante necessários no mercado.

Publicidade

Operários de construção

A falta destes profissionais demonstra que cada vez menos pessoas preferem optar por uma carreira de trabalho braçal, devido à oferta de cursos técnicos mais atraentes e que oferecem uma melhor condição de trabalho e financeira, após formados. A área de construção tem sofrido uma escassez bastante importante de operários nos dias atuais.

Motoristas

Profissionais da área de transporte são bastante úteis, principalmente no setor de cargas, como motoristas de caminhão. Muitos deixaram a profissão para ir em busca de melhores salários e condições de trabalho. Outro motivo da falta de motoristas são as exigências das empresas, que preferem os mais capacitados em novas tecnologias para dirigir veículos especializados com GPS, caminhões com painéis sofisticados e outras modernidades.

Representantes Comerciais

Uma área que já esteve em alta no Brasil, mas que hoje é escassa de profissionais é a área de vendas e representações. Profissionais do ramo precisam ter conhecimentos de gestão, finanças e ter capacidade de comunicação e liderança.

Publicidade

Há poucos profissionais que atendem estas exigências

Engenheiros

Há uma grande necessidade de Engenheiros nas mais diversas áreas, como é o caso de profissionais das Engenharias Civil, Elétrica e Ambiental. O Brasil é um dos principais países com carência destes profissionais, formando poucas pessoas em comparação com outros países, como Estados Unidos, Índia e China.

Área de TI

O mercado tem possibilitado muitas oportunidades para profissionais de TI, mas devido a falta de de mão de obra qualificada empresas têm enfrentado uma verdadeira escassez de profissionais. Desenvolvedores, Programadores e quem trabalha com bancos de dados têm sido cada vez mais raros de serem encontrados e o setor passa a exigir cada vez mais destes profissionais conhecimentos e formação especializada. #Negócios #Desemprego