A Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos está em processo de diversificação de suas atividades. A estatal irá contratar os serviços de infra-estrutura das operadoras de telefonia já existentes para oferecer o serviço.

A intenção dos Correios é oferecer os serviços de telefonia #Celular a preços mais competitivos do que os atuais praticados pelas empresas privadas da área.

A ideia da empresa é fazer uso de lojas virtuais para comercializar os seus planos (ainda não há valores e pacotes nesse sentido) e 'alugar' as antenas e demais equipamentos que serão necessários para que a empresa ofereça os serviços.

O processo de implantar o serviço de telefonia nos Correios não deverá levar muito tempo.

Publicidade
Publicidade

A empresa já admitiu sua intenção e lançou o edital de contratação dos serviços que necessitará para iniciar suas atividades.

O chip será conforme pode ser visto na imagem e o mesmo levará a marca 'Correios' estampada. A empresa privada de telefonia que quiser 'alugar' seus equipamentos de transmissão para a estatal deverá ter cobertura em pelo menos 50% das cidades do país.

Esse não foi o primeiro edital que a empresa lançou, o edital pioneiro foi cancelado para ser modificado e após passar por melhorias e sugestões foi relançado de forma a melhor atender as necessidade da companhia.

Após a reedição do edital, todas as empresas de telefonia que quiserem participar no processo poderão oferecer seus serviços e fazer as propostas para a estatal.

Os Correios estimam que irão investir no mínimo R$ 282 milhões para conseguirem alugar a infra-estrutura por um período de 5 anos.

Publicidade

Para fins de avaliação das propostas que irá receber, os Correios levarão em consideração o balanço das estimativas dos valores que planejam arrecadar com a venda de planos pré-pago, pós-pago e de chips da companhia.

Prezado leitor o que você acha da diversificação das atividades dos Correios? A entrada da companhia estatal promoverá a melhoria e competição entre as demais concorrentes privadas ou os serviços continuarão da forma como se apresentam hoje? Seu comentário é muito bem vindo.  #Finança