A Câmera dos Deputados vem trabalhando em uma proposta de revisão do IR, onde se criará uma nova tabela com novas alíquotas. Com essa proposta apresentada, a nova tabela terá 6 alíquotas diferentes das quais temos atualmente, isentaria salários de até R$3.390,00 e taxaria em até 40% os que ganham mais de R$108.000,00.

Para as pessoas que ganham em torno de R$3.390,00, na tabela de hoje (tributada a 15%), geraria um ganho anual de R$1.844,40 de imposto, que não precisariam pagar com essa nova tabela porque estaria isenta (são quase R$2.000,00 de economia no ano que você pode pegar e investir em alguma viagem, aplicação ou estudos).

Publicidade
Publicidade

Para quem tem salários maiores os ganhos são bem mais relevantes. Vamos ver um exemplo para uma pessoa que ganha R$27.000,00. Na tabela de hoje ela é tributada a 27,5% de IR. Com a nova tabela proposta ela será tributada a 20%, isso geraria um ganho mais ou menos de R$24.667,68 no ano, sendo muito interessante.

Segue a tabela proposta em comparativo com a tabela que temos atualmente.

   

TABELA PROPOSTA

     $                                                                %              

  3.390,00                                                   Isento

  3.390,00 até 6.780,00                                 5 

  6.780,01 até 10.170,00                              10

 10.170,01 até 13.560,00                             15 

 13.560,01 até 27.120,00                             20

 27.120,01 até 108.480,00                           30  

  A partir de 108.480,01                                40

  

  TABELA  ATUAL

     $                                                                %

  Até 1.903,98                                            Isento

 1.903,99 até 2.826,65                                 7,5

 2.826,66 até 3.751,05                                 15

 3.751,06 até  4.664,68                                22,5    

 A partir de 4.664,69                                     27,5

OBS.

Publicidade

Para as pessoas que ganham mais de R$27.120,00, como especificado na tabela, não terão uma economia com relação ao imposto, até mesmo porque não temos a parcela a deduzir para comparar (atualmente é tributado a 27,5%, na tabela proposta vai para 30%, e com o que temos até o momento se tem um aumento de 3%), mas  a grande parte da população que está entre os rendimentos de R$3.390,00 até  R$27.120,00, terão uma economia relevante com essa revisão do IR, porque ele afeta muito mais a renda dos que são mais pobres . #Imposto de Renda