O dólar nesta segunda-feira (14) mostrou um melhor desempenho frente ao real, a baixa do petróleo e minério de ferro no comércio exterior é que influenciaram para esse resultado. Os juros "futuros" sobem conforme o valor do dólar e o Ibovespa estão voláteis com queda, devido às ações da Vale e Petrobrás.

O provável Impeachment da presidente #Dilma Rousseff afetou os negócios, principalmente pela manifestação que aconteceu neste domingo (13). Com isso os empreendedores esperam soluções.

O dólar reagiu no comércio nacional, de acordo com Rafael Ohmachi (analista da Guide Investimentos). Ele subiu 0,30% para pagamento a vista, valendo R$3,6270 e o comercial subiu 1% chegando a R$3,6260.

Publicidade
Publicidade

Por causa da baixa das commodities, o dólar variou frente à moeda brasileira e isso ocorre por o Brasil ser um emergente. Para Marcos Pessoa (economista da Corretora Renascença), o setor comercial aguardava a mobilização popular no país neste domingo (13) em desfavor de Dilma Rousseff. E foi acima do esperado, o que influenciou a moeda estrangeira.

Enquanto a moeda americana tinha alta, o preço do petróleo caia no comércio externo, Isso se deve ao Irã, que disse que só irá concordar com a proposta de equilíbrio da oferta, somente quando a sua produção estiver maior.

Os preços caíram, o Brent teve queda de 2,87% no valor de US$39,23 o barril, em Londres. O WTI teve baixa de 4,10% para o preço de US$36,92 nos EUA. Os juros ficaram em alta por causa do dólar, o acordo de DI se elevou para 13,730% a vencer em janeiro de 2017, dia anterior estava em 13,810%.

Publicidade

Para janeiro de 2021 irá de 14,190% para 14,280%.

A Focus nesta segunda-feira (14) informou que a Selic (taxa básica de juros) encerrará 2016 a 14,25% e em 2017 ficará em 12,50%.

Bolsa breve resumo

O Ibovespa sofreu variações, iniciou com ações em alta, houve recuo das mesmas e depois tiveram queda de 0,18% com 49.548,66 pontos. A baixa das commodities no exterior afetaram ações da Vale que tiveram baixas de 2,46% ao preço de R$9,90 (PNA) e percentual de 1,65% a R$13,64 (ON) e da Petrobrás, pois as suas ações ao titular tiveram queda de 4,44% ao custo de R$7,73, as ordinárias retrocederam 4,16% a R$9.67 e na China as bolsas se elevaram. #Finança