De acordo com a opinião emitida por consumidores espalhados nos 4 cantos da terra, a empresa Disney foi considerada como sendo a marca de maior autenticidade mundo afora. A pesquisa em questão foi conduzida pela empresa RP Cohn & Wolfe, que apesar de não se muito conhecida no Brasil e também na América Latina como um todo, constitui-se na 13ª maior agência de relações públicas em nível mundial.

O número exato de 12.000 consumidores diretos foi entrevistado com o objetivo principal de se descobrir mais sobre as marcas empresariais tidas como de maior autenticidade e relevância por algum motivo na sociedade moderna, sendo que o trabalho aconteceu em mais de 14 nações. 

Os principais conceitos investigados por meio das entrevistas eram aqueles correlacionados a valores e princípios éticos, tais como: respeito, confiabilidade e realidade.

Publicidade
Publicidade

Ao final do trabalho de pesquisa chegou-se no registro de uma quantidade que ultrapassava as 1.600 marcas de empresas e organizações. 

Vale ressaltar que entre as 20 marcas que lideraram a listagem, destacam-se aquelas ligadas diretamente ao segmento tecnológico, muito embora constem outras marcas de extremo requinte e as que dizem respeito a brinquedos e até automóveis. 

Por mais que causasse surpresas, marcas mais recentes como o Paypal e Amazon, abocanharam posições de destaque na lista recém divulgada pela agência de relações públicas. Por outro lado, sem nenhuma sombra de dúvida, a empresa que ocupou a 1.ª colocação das marcas mais autênticas foi a Disney, porque de fato, os personagens Mickey, Minnie e Pluto demonstram ser personagens ou “pessoas” que geram extrema confiança. 

Por sua vez, a pesquisa conseguiu revelar que os consumidores estão cada vez céticos e desacreditados das marcas como um todo, tanto que de 5 consumidores, 4 afirmaram que as marcas de empresas não podem ser interpretadas como sendo “abertas e honestas".

Publicidade

Nos Estados Unidos, por exemplo, o termo de confiança oscila na casa dos 23%; já em outra potência econômica que é a China, o percentual é de 36%. No continente europeu, a desconfiança despenca de vez, ocupando reles patamares de 7%. 

Segue o resultado em ordem decrescente das marcas consideradas mais autênticas e confiáveis em todo o mundo: Walt Disney, BMW, Microsoft, Amazon, Apple, Intel, Audi, Samsung, Adidas, Lego, Visa, Rolls Royce, Ford, Sony, Google, Mercedes-Benz, Rolex, MasterCard, Coca-Cola e PayPal. #Negócios #Curiosidades #Comportamento