Dia 29 de abril, última data possível para efetuar o envio de sua declaração do #Imposto de Renda de 2016, sem perder o prazo e, consequentemente, ter que arcar com o pagamento da multa pelo não envio.

Deve-se ao máximo evitar deixar para a última hora, pois tudo pode acontecer; desde problemas pessoais do declarante, como os constantes congestionamentos do portal da Receita Federal, justamente devido ao tráfego excessivo causado pelo excesso de envios.

Caso você ainda não tenha realizado o envio da sua declaração, é altamente recomendável que proceda o envio da mesma o quanto antes. Ainda que você esteja com dúvidas quanto à aceitação da mesma, ou se faltarem dados, você terá um novo, porém, mais curto prazo para fazer o envio da 'retificadora', uma nova declaração que corrige algum problema que você ou a Receita Federal tenham detectado.

Publicidade
Publicidade

A declaração de imposto de renda 'retificadora' você já sabe para que serve. Ela pode ser enviada em qualquer tempo para o sistema do governo, entretanto, somente se você enviá-la, respeitando os prazos, ficará livre das multas impostas pelo governo.

Restituição do imposto de renda

Os contribuintes que após enviarem a declaração possuírem valores a serem pagos pela União recebem os pagamentos na forma conhecida como 'lote'. Os lotes respeitam as seguintes regras: maiores de 60 anos de idade têm prioridade em receber o pagamento, normalmente todos nesse grupo estão concentrados no primeiro lote.

Ademais a percepção do pagamento é realizada conforme a celeridade de envio dos declarantes, quem enviou primeiro recebe na frente, desde que não haja erros na declaração e que a mesma não caia na 'malha fina'.

Publicidade

Datas de pagamento dos lotes - Os lotes de imposto de renda sempre são depositados na conta corrente indicada pelo contribuinte, no momento do envio da declaração. O montante a receber é pago integralmente ao favorecido na data do lote na qual o mesmo for alocado pelo governo.

Todos os lotes vencem no dia 15, sendo que os pagamentos dos lotes começam no mês de junho e vão até dezembro de 2016. Segundo divulgado pela Receita Federal, faltando apenas 48h para o encerramento do prazo e aproximadamente 6 milhões de contribuintes ainda não realizaram o envio das declarações. #Finança