Este foi o pior trimestre para os bancos que fazem movimentações financeiras aqui no Brasil. Segundo estudo de uma financeira, "Economática", os bancos nacionais tiveram um lucro de 13,7 bilhões de reais, 20% menor do que o mesmo período do ano passado, o que mostra uma retração na economia e nos gastos dos brasileiros.

Segundo a pesquisa, a inadimplência e a contratação de crédito também ajudaram a derrubar os lucros do bancos. O Banco do Brasil foi a instituição financeira que mais perdeu neste trimestre de 2016, cerca de 59,4%; seguido pelo Itaú Unibanco, 9,5%; Bradesco, 5,3%. Uma observação interessante é que a Caixa Econômica Federal não foi relacionada na pesquisa da Economática, já que não tem ações na Bolsa de Valores, porém, o banco teve uma retração nos lucros de 45,9% neste trimestre de 2016.

Publicidade
Publicidade

Os bancos, mesmo com a crise, estão no topo da lista das empresas de capital aberto que obtiveram maiores lucros no Brasil em 2015. Somando os lucros de todas os 25 bancos que têm ações na Bolsa de Valores, o total foi de R$ 70,5 Bilhões, um aumento de 28,3% em relação a 2014, que foi de R$54,9 Bilhões.

Muito dos lucros dos bancos em 2015, deu-se pela alta das taxas de juros, que saltaram para 14,4% ao mês, e 63,7% ao ano, o que alavancou os lucros das instituições financeiras.

Em levantamento feito pelo Banco Central, houve um aumento na inadimplência no Brasil, que é o maior em 5 anos, além da alta dos juros. Os bancos fazem um aumento nas provisões de perda com os empréstimos, devido à recessão no país, o que eleva o valor do financiamento, para os clientes.

Mesmo com a recessão que vive o Brasil, podemos notar que os bancos nacionais obtiveram lucros.

Publicidade

Porém, o cenário das empresas nacionais vai de encontro a esta realidade dos bancos. Empresas de grande porte estão fechando postos de trabalho, já que não existe expectativa de melhora da economia em um curto período de espaço, o que eleva o #Desemprego e a renda da população.

O novo governo, em que o presidente em exercício, Michel Temer, coloca um plano de emergência para alavancar a economia do país, pode ser a salvação dos brasileiros. #Finança #Crise econômica