O #Bitcoin Halvening, ou a diminuição pela metade da recompensa dada aos mineradores é um dos grandes eventos que acontecem dentro da rede de processamento do Bitcoin.

Neste artigo anterior, você descobriu um pouco mais sobre o Bitcoin Halvening, evento que está previsto para acontecer essa semana. No artigo de hoje, vamos explicar um pouco mais sobre isso, e quais os possíveis impactos no futuro do Bitcoin.

Então, isso já aconteceu antes?

Sim, aproximadamente a cada quatro anos, como os Jogos Olímpicos. Da última vez, aconteceu em 28 de Novembro de 2012. Na época, a maior preocupação era se o código de computador iria realmente cortar a recompensa pela metade.

Publicidade
Publicidade

Mas ele fez, o que gerou uma enorme tranquilidade para o mercado, de que a tecnologia era totalmente funcional. No dia do evento redução para metade, o preço de Bitcoin era de US$12,25. Um pouco mais de um ano depois, ele atingiu o seu ponto mais alto, em torno de US$ 1.000. O Bitcoin passou a ser comprado e vendido com mais frequência, tornando-se um ativo melhor.

Como os mineradores se ajustam a receber menos por um trabalho mais difícil?

Os mineradores vão tentar manter a rentabilidade cortando custos e encontrando novas fontes de receita, como cobrança de taxas de transação pequenas, para começar. Alguns estudos já informam que os mineradores já investiram em equipamento de mineração state-of-the-art adiantando-se à redução para metade da recompensa, o que significa que o custo fixo de atualizar seus equipamentos será menor no futuro.

Publicidade

Os mineradores também beneficiariam se o preço subisse, e alguns observadores do mercado acreditam que isso vai acontecer. Segundo analistas, o evento redução para metade poderia empurrar o preço do Bitcoin para US$ 1.000 até o final do ano.

Assim, apesar dos mineradores sofrerem perdas pelo evento da redução da recompensa, a maioria deles será capaz de compensar a perda de curto prazo da receita. Mas nem todos os mineradores vão sobreviver.

Quem não vai sobreviver?

Os mineradores que possuem equipamentos mais antigos serão os únicos que sofrerão. Especialistas da indústria estimam que 25% dos equipamentos será provavelmente não rentável ​​devido à redução da recompensa. Se eles forem desligados, o hashrate da rede bitcoin - a métrica que quantifica o poder de processamento da rede bitcoin cairia, e ela poderia se tornar menos segura. Da última vez, ele caiu quase 20%, de acordo com Coindesk.

O que podemos esperar no dia da redução e após o evento?

Em geral, podemos esperar muita volatilidade.

Publicidade

No dia da última redução da recompensa, nada realmente aconteceu. Bitcoin tinha quatro anos de idade e seu valor de mercado era de apenas cerca de US$ 129 milhões. Com valor de mercado da bitcoin perto dos US$ 10 bilhões atualmente, as coisas não serão tão calmas neste momento. O volume de transações poderia aumentar e o preço pode variar muito, mas a métrica real para se vigiar seria hashrate. Se mineradores decidirem que já não faz sentido manter equipamentos mais antigos funcionando, o hashrate poderia cair, como da última vez. No entanto, se o poder de computação na rede bitcoin cai abaixo de um certo ponto, de repente se torna rentável religar esses equipamentos de mineração mais velhos.

Gostou do artigo? Leia mais aqui. #Negócios #Dicas