A Azul Linhas Áreas será responsável pelo primeiro #voo internacional partindo do Aeroporto Marechal Rondon, localizado em Varzéa Grande, região metropolitana da capital mato-grossense, Cuiabá para Santa Cruz de La Sierra na #Bolívia, a partir de fevereiro de 2017.

A operação para começar os voos, ainda depende da aprovação da Agência Nacional de Aviação civil (ANAC) e dos responsáveis pela aviação civil boliviana. Tanto as autoridades brasileiras e bolivianas já receberam a solicitação da companhia área para começar essa nova rota de voos entre os dois países.

O anúncio das tarifas e o começo das vendas das passagens serão feito logo após a aprovação dos órgãos reguladores.

Publicidade
Publicidade

Contudo, a empresa já informou os dias dos voos que serão apenas em três dias da semana as terças-feiras, sextas-feiras e aos domingos. O avião modelo turboélice ATR 72-600, com apenas 70 assentos, o modelo mais usado pela companhia, fará os voos.

A empresa já opera diversos voos partindo do Aeroporto Marechal Rondon para cidades dentro do estado como Alta Floresta, Barra do Garças, Rondonópolis e Sinop e outras capitais como Belo Horizonte, Campo Grande, Goiânia, Curitiba, Porto Alegre, Recife, São Paulo (Viracopos e Guarulhos), Rio de Janeiro (Santos Dumont e Galeão), Florianópolis e Porto Velho dentre outros destinos no país.

Rota boliviana

Santa Cruz de La Sierra, além de ser uma das maiores cidades bolivianas, tem atraído milhares de universitários nos últimos anos para cursos na área de saúde como medicina que tem a maior procura por brasileiros, pelo baixo custo das mensalidades e custo de vida em comparação aos grandes urbanos brasileiros.

Publicidade

Com mais de 1,7 milhão de habitantes figura como um importante polo petroquímico e produzindo gás natural para exportação, sendo o Brasil maior comprador do gás boliviano.

Em entrevista ao site Mídia News o diretor de planejamento de Malha da Azul, Daniel Tkacz salienta que estarão atendendo uma demanda local e que isso gerara uma aproximação entre os vizinhos o estado de Mato Grosso e a Bolívia nas áreas de turismo e negócios. #Cuiabá