No final de 2016, o presidente Michel Temer anunciou a liberação das contas inativas do #FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço). O governo pretende disponibilizar todo esse #Dinheiro na tentativa de aquecer a #Economia.

Terá direito ao saque os trabalhadores que tiveram seu vínculo de contrato de trabalho interrompido até 31/12/2015, ou seja, aqueles pediram demissão ou foram dispensados por justa causa e possuam saldo em sua conta do FGTS. Portanto, vale lembrar quem teve o seu desligamento a partir 01/01/2016 não poderá realizar o saque.

Existem ao todo 18,6 milhões de contas inativas do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço, que somam R$ 41 bilhões para serem liberados para mais de 10 milhões de trabalhadores.

Publicidade
Publicidade

Estimativa: Calendário FGTS

Está previsto para ser anunciado na próxima terça feira (14), às 11 horas, direto do Palácio do Planalto, o calendário de pagamento. Este anúncio traz muita expectativa por parte da população que não vê a hora de poder contar com um dinheiro extra diante da atual crise econômica que atravessa o país.

Empresas como de setores varejistas, transportes e de serviços já estão contando com uma melhora nas vendas e aumento na demanda por conta da entrada dos recursos das contas inativas na economia.

Plano de atendimento aos domingos

A Caixa Econômica Federal ainda avalia a possibilidade de funcionar aos sábados e domingos a fim de atender a grande procura por parte dos trabalhadores que irão sacar o FGTS. Entretanto, o possível atendimento aos finais de semana será especificamente para saque das contas inativas, tendo em vista que há pessoas que ainda não sacaram o PIS, referente ao calendário de 2016 e são nascidos de janeiro a junho, o que leva grande preocupação por parte da instituição financeira.

Publicidade

Como realizar a consulta de maneira simples

Pelo site da Caixa Econômica Federal, usando o número do seu PIS/PASEP (Programa de Integração Social e do Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público), é possível consultar o saldo do FGTS. Também dá para fazer o cadastramento de uma senha que dará o acesso.

Também há um aplicativo para smartphones para a consulta. Os documentos necessários para fazer o saque são: Cartão Cidadão e identidade. O saque poderá ser feito nas casas lotéricas ou nas agências da Caixa Econômica Federal.