O calendário oficial para quem deseja sacar o FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço) de contas inativas foi divulgado, nesta terça-feira (14), e contempla todos aqueles trabalhadores que possuem contas inativas até a data de 31 de dezembro de 2015.

Confira aqui o calendário:

- Nascidos nos meses de janeiro e fevereiro poderão sacar o benefício a partir de 10 de março;

- Já aqueles nascidos em março, abril e maio receberão o #FGTS em abril;

- Quem faz aniversário em junho, julho e agosto poderá sacar o #Dinheiro no mês de maio;

- Os aniversariantes de setembro, outubro e novembro podem pegar o FGTS em junho;

- E, por último, os nascidos em dezembro vão começar a receber em julho.

Publicidade
Publicidade

Anunciada no final do ano passado, a Medida Provisória 763/2016, que prevê a liberação do Fundo para aqueles com contas inativas, é uma ação do governo federal para tentar aquecer a #Economia do Brasil e também tentar reduzir os efeitos que o país enfrenta por conta da recessão e do desemprego.

De acordo com informações do governo, mais de 10 milhões de pessoas têm direito ao benefício e aproximadamente 18,6 milhões de contas se enquadram no critério estabelecido para a retirada. Apesar de a maioria dessas contas terem um valor menor do que o de um salário mínimo (R$ 937) é esperado que uma quantia de R$ 30 bilhões seja sacada e movimente a economia brasileira.

Se você tem valores a sacar, pode fazer a consulta do saldo através:

- aplicativo do FGTS;

- Cartão Cidadão;

- telefone 0800 726 0207, cujo atendimento é feito de segunda a sexta-feira, das 8h às 21h, e aos sábados, entre as 10h e 16h;

- site da Caixa Econômica Federal ou, se você é correntista do banco, através do internet banking da instituição.

Publicidade

Para retirar o dinheiro vá, na data indicada, a uma agência da Caixa Econômica Federal com um documento de identificação com foto, a Carteira de Trabalho juntamente com cópias, frente e verso, da página de registro civil do documento e também de cada contrato de trabalho.

É importante ressaltar que o valor poderá ser sacado integralmente, mas que é recomendável fazer a transferência do valor total para uma outra conta ao invés de sair com o dinheiro em espécie na mão.