A situação política e econômica do Brasil, que já não era nada satisfatória no transcurso dos últimos meses, conseguiu se agravar ainda mais a partir do dia 17 de maio, quarta-feira, tendo como o principal protagonista dessa façanha que deixou a muitos boquiabertos, o empresário nascido na cidade de Formosa no Estado de Goiás, #Joesley Batista, ninguém mais ninguém menos do que o presidente da próspera holding J&F. Para os mais desinformados, a J&F é a controladora com poderes plenos de companhias tais como: JBS, que engloba a Friboi e a Seara; Minuano, Havaianas, Banco Originale e a empresa Eldorado, que lida direto com o segmento da indústria de celulose.

Publicidade
Publicidade

Mas o que o homem de negócios e empresário de sucesso Joesley Batista fez de tão expressivo, que o seu nome não para de ser mencionado na mídia em geral, principalmente nas últimas 24 horas? Ele, com a cara e a coragem, foi o responsável por delatar o presidente do Brasil Michel Temer, o principal cacique do PMDB e o então senador por Minas Gerais Aécio Neves, ex-presidente do PSDB, ou partido tucano, diante do tsunami de corrupção, fraudes e prostituição política que afogam as esperanças do povo brasileiro e fazem desmoronar as suas instituições democráticas.

Joesley é filho do falecido José Batista Sobrinho e, desde muito novo, esteve ao lado dos negócios com seu pai, esse último fundador da Casa de Carne Mineira, na cidade goiana de Anápolis, nos anos 50. O negócio emplacou de uma vez por todas por ocasião da construção da cidade de Brasília, pois pai e filho forneceram muita carne para os trabalhadores que compunham o quadro de funcionários das empreiteiras contratadas para levantar a capital federal no meio do cerrado.

Publicidade

A Casa de Carne Mineira prosperou ao ponto de incorporar frigoríficos, mas foi Joesley Batista o principal líder no que pode ser classificado como internacionalização da JBS, exportando carne para um número superior a 150 nações. Por fim, o BNDES auxiliou diretamente a consolidação de vez do grupo como o maior processador de carne de boi do mundo.

As cifras atingidas pelo grupo são astronômicas; sendo que o faturamento deu um pulo a partir de 2007, de R$ 4 bilhões para os atuais mais de R$ 160 bilhões. Vale frisar antes de mais nada, que é Wesley Batista, irmão de Joesley, o controlador da JBS desde 2012, empresa que está no meio do furacão de investigações e delações.

Por outro lado, Joesley não se dedica unicamente aos negócios das várias empresas da holding, uma vez que seu grupo andou e muito, atuando na esfera política, como por exemplo em 2014, data em que estas mesmas empresas se transformaram nas maiores doadoras da eleição naquele ano, dando suporte econômico a 164 deputados federais, 6 governadores de Estados e a chapa da ex-presidente Dilma Rousseff com o atual presidente Michel Temer, totalizando um valor aplicado de R$ 391 milhões na época.

Publicidade

O poder e o dinheiro de Joesley lhe abrem as portas de muitos eventos e encontros sociais, sendo ele casado com Ticiane Villas Boas, atualmente apresentadora do SBT de Silvio Santos e o casal tem um filho chamado de Joesley Filho.

Vale frisar que em 2012 o empresário se casou com Ticiana, promovendo uma festa de matrimônio que contou com 1.500 convidados e cantores como a baiana Ivete Sangalo e a dupla sertaneja, também de Goiás, Bruno e Marrone, os quais foram especialmente contratados para cantar diante da multidão que estava na festança. O luxo era tanto, que a noiva usou um vestido da grife internacional Chanel e, em algumas semanas que antecederam o casamento, ela foi 4 vezes à capital francesa só para provar a roupa que usaria.

Como característica de comando na Holding, Joesley não é adepto de usufruir férias; todavia, gosta dos feriados longos no intuito de poder relaxar. Não é a toa que ele comprou a ilha em Angra dos Reis no Rio de Janeiro, que um dia foi de Luciano Huck e Angélica e o apartamento localizado no coração da Quinta Avenida em Nova York, que pertenceu ao famoso publicitário Nizan Guanaes, pela bagatela de US$ 15 milhões.

Presidente da JBS grava conversa com Michel Temer

#Aécio Neves #Michel Temer