Seja para comprar um celular novo, viajar para aquele lugar paradisíaco, ou até mesmo bancar a faculdade dos filhos, muitos brasileiros guardam uma parte de seu dinheiro “investido” na poupança. O problema é que você poderia estar ganhando muito mais, principalmente a longo prazo, fazendo outros tipos de investimentos de baixo risco, fáceis de entender e que podem ser feitos por qualquer pessoa começando a partir de 30 reais.

Investir na poupança é muito prático, porém seu rendimento perde, e feio, para outras formas de investimento que serão listadas abaixo.

Títulos públicos

Investimentos de renda fixa, são títulos emitidos pelo Governo Federal por meio do Tesouro direto com o objetivo de conseguir recursos para o financiamento de projetos de infraestrutura, educação, saneamento etc.

Com aplicação mínima de 30 reais, qualquer um pode investir por meio de um banco ou uma corretora de valores que intermediam a negociação.

Para investir você precisa fazer um cadastro na corretora, comprar um título e a partir disso acompanhar sua aplicação. Os títulos do tesouro apresentam a data de vencimento e sua classificação.

Na plataforma de negociação online, há uma lista de diferentes títulos públicos disponíveis, cada um com a sua taxa de remuneração. O Tesouro Selic é um deles, e é o mais indicado para quem deseja ter a possibilidade de resgatar o dinheiro aplicado a qualquer momento, em uma emergência.

Certificado de Depósito Bancário (CDB)

Nesse investimento você basicamente empresta dinheiro ao banco e recebe uma remuneração por isso. O banco empresta dinheiro a seus clientes com uma taxa maior que a taxa de captação, garantindo assim um lucro.

Esse investimento possui a mesma segurança que a poupança que é o Fundo Garantidor de Crédito (FGC), mas o retorno chega a ser o dobro do retorno da poupança.

O FGC é mantido pelos próprios bancos para garantir segurança. Se um banco chegar a falência o prejuízo do investidor é reembolsado, porém com um limite de 250 mil reais por conta.

As taxas de remuneração são negociadas com o próprio banco, então, se você é um cliente antigo, não deixe de negociar taxas maiores.

Letra de crédito imobiliário (LCI)

Título emitido pelos bancos para obtenção de recursos destinados a financiamentos do setor imobiliário. Você pode ver uma desvantagem pelo investimento inicial elevado e pelo prazo mais longo.

Apesar da maioria dos bancos exigirem investimentos mais elevados, bancos menores podem lhe permitir investir em lci’s a partir de 1 real.

É importante salientar a diferença de taxas entre cada banco e comparar as rentabilidades dos CDBs, LCIs e LCAs para chegar à conclusão de qual o melhor investimento para você. Ao comparar o rendimento com um CDB é importante descontar o imposto de renda (IR) cobrado. #Brasil #2017