Publicidade
Publicidade

O #Palmeiras se caracterizou por ser o time "mais rico" do Brasil, isso se dá por causa do patrocínio da Crefisa, que além da estampa na camisa, também banca salário e contratação de jogadores importantes, porém, o Verdão acabou contratando muito neste ano e não rendendo o esperado nas competições em que está disputando.

A diretoria do Verdão tentou diversas contratações neste ano, o que impossibilitou não foram os problemas financeiros, mas sim algumas dificuldades por contratar no meio da temporada, até porque jogadores têm um limite mínimo para atuar por um clube no Campeonato Brasileiro, e outros campeonatos, assim como a Libertadores da América, exige um tempo para inscrever os atletas.

Publicidade

Volante indo embora?

O Palmeiras pode perder um de seus jogadores neste ano, o volante Matheus Sales está emprestado para o Bahia, pois não teve mais muito espaço dentro do elenco do verdão, e uma #Proposta chegou do Akhmat Grozny, da Rússia, para o jogador, que foi revelação do Palmeiras e acabou ficando muito conhecido nas fases finais da Copa do Brasil, em 2015, quando colocou no "bolso" o meia Lucas Lima, do Santos.

O volante deve continuar sob os direitos econômicos do Palmeiras e, segundo especulações [VIDEO], a diretoria afirmou que proposta seria muito baixa. Ainda não se sabe, ao certo, a resposta da diretoria para o clube russo, mas o que se especula é que o volante continue no Bahia, voltando para o Palmeiras quando acabar o período de empréstimo.

Perda de espaço

O volante Matheus Salles acabou perdendo espaço no elenco do clube com a chegada de Tchê Tchê, o qual veio do Ituano, vice-campeão Paulista, no qual o jogador era um dos mais importantes do elenco, porém, com a chegada do meia, a revelação do Palmeiras acabou ficando ociosa na equipe, isso fez com que Matheus Salles fosse parar no Bahia, por meio de um empréstimo.

Publicidade

O Bahia deve continuar com o jogador até que uma proposta melhor seja feita ou que o técnico do Palmeiras, Cuca, solicite a volta do volante para utilizá-lo.

Borja e economia

Miguel Borja foi uma aposta que mexeu muito com a #Economia do Palmeiras, pois foi a contratação mais cara da equipe para a temporada, sendo realmente o grande "triunfo" para a Libertadores da América, porém, o que a diretoria palmeirense não esperava era a queda de rendimento do centroavante nesta temporada.

O centroavante colombiano vem tentando ganhar espaço dentro do elenco, mas com a chegada de Deyverson, ficará mais difícil para o atacante retomar a titularidade.