Em tempos de inscrição para o Sistema de Seleção Unificada (Sisu), Programa #universidade Para Todos (Prouni) e Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), nada melhor do que ficar por dentro da lista das melhores instituições do Brasil. A pesquisa realizada pela plataforma Ranking Web of Universities foi atualizada em 2015. O laboratório de Cibermetria, do Conselho Superior de Investigações Científicas (CSIC), na Espanha, publica esse tipo de informação desde 2004. Para se ter uma ideia, o ranking já conta com mais de 21 mil instituições.

A pesquisa leva em consideração o reconhecimento público das entidades, assim como o impacto social, científico, político, meio ambiente, tecnologias, engenharias, ou seja, o retorno intelectual para a sociedade e indústria. Ainda são avaliadas as disciplinas, qualidade no ensino e participação da classe universitária em trabalhos científicos, como publicações em revistas internacionais influentes, por exemplo.

 Algumas das citadas na pesquisa do Ranking Web of Universities também aparecem na classificação do Ministério da #Educação (MEC), que no ano passado elegeu as melhores universidades, centros universitários e faculdades. A lista traz instituições públicas e particulares. Vale a pena conferir!

Agora, quando o assunto é a classificação mundial, o Brasil surge entre as 100 melhores com a Universidade de São Paulo (USP), única instituição brasileira a aparecer nesse ranking. Mesmo perdendo 11 posições na pesquisa da Times Higher Education (THE), de Londres, e apresentar um resultado nada satisfatório, ainda assim continua na liderança entre as mais respeitáveis no mundo.

Veja a lista das 20 melhores do Brasil, de acordo com a pesquisa:

1 - USP;

2 - UNICAMP;

3 – UFRGS;

4 - UFRJ;

5 - UNESP;

6 - UFMG;

7 - UFSC;

8 - UFPR;

9 - UNB;

10 – UFF;

11- UFBA;

12 – UNIFESP;

13 – UFC;

14 – UERJ;

15 – UFPE;

16 – PUC – RJ;

17 – UFRN;

18 – UFPA;

19 – UFG;

20 – UFSCar.

E aí,  já se inscreveu no Sisu? Concorda com essa classificação? Conte aí, a gente quer saber a sua opinião!