Nesta sexta-feira, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, Inep, irá divulgar as notas do Exame Nacional do Ensino Médio, Enem 2015. No site da instituição os 5,7 milhões de alunos que realizaram a prova poderão conferir seu desempenho individual. Para realizar a consultar é necessário informar o número de inscrição e a sua senha. Se não lembrar da senha é possível acessar informando o número do CPF e a data de nascimento.

O resultado do ENEM 2015 poderá ser usado para disputar vagas em faculdades públicas, na próxima segunda-feira começam as inscrições para a primeira edição do Sistema de Seleção Unificada, Sisu. Serão disponibilizadas 228 mil vagas distribuídas em 131 instituições federais em todo território nacional. As vagas disponíveis já podem ser consultadas no site.

Fora o Sisu, também é possível usar a nota do ENEM 2015 para participar de outros programas de bolsa de estudos, como é o caso do Ciência Sem Fronteiras e do Prouni. Além disso, o estudante pode usar a nota do ENEM 2015 para conseguir financiamento estudantil através do Fies. De acordo com Inep, o espelho da redação sairá no prazo máximo de dois meses. No espelho os alunos podem conferir a redação digitalizada e os apontamentos feitos pelos professores que a corrigiram.

No ENEM 2015 não teve nenhuma grave ocorrência na questão de segurança, tirando o fato de 740 alunos foram eliminados. Essa edição foi considerada a mais difícil para muitos professores e teve como marca alguns avanços e muitas polêmicas.

A redação do ENEM 2015 foi bastante elogiada por ter sido um tema polêmico e necessário: a violência contra a mulher.

Outra novidade do ENEM 2015 foi o reajuste do valor de inscrição, subiu de R$ 35 para R$ 63. Para reduzir custos com a prova, esse ano o MEC deixou de enviar o cartão de confirmação pelos Correios, os alunos tiveram que imprimir através do site. Outra mudança foi a redução do acesso a gratuidade da inscrição, embora não tenha sido cobrado nenhum documento comprobatório em relação a carência financeira. #Educação #Curso #Vestibular